Pesquisar

Canais

Serviços

- Cesar Greco/Palmeiras
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Quem leva?

Palmeiras quer virada e São Paulo busca o bi na final do Paulista

Redação Bonde com Agência Brasil
03 abr 2022 às 11:15
Continua depois da publicidade

Palmeiras e São Paulo voltam a campo neste domingo (3) pela final do Campeonato Paulista. Se o Verdão levar o caneco, alçanca a 24ª taça do estadual, enquanto o Tricolor tem a chance de igualar os 23 títulos do adversário. O jogo de volta da decisão do torneio estadual mais antigo do Brasil será às 16h (horário de Brasília), no Allianz Parque.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


O São Paulo leva a vantagem por ter vencido a partida de ida, na quarta-feira (30), por 3 a 1, diante dos seus mais de 60 mil torcedoresno Morumbi. O atacante Jonathan Calleri (com dois) e o volante Pablo Maia fizeram os gols da equipe de Rogério Ceni, que pode ser campeão pela primeira vez como técnico do clube onde se consagrou como ídolo. O meia Raphael Veiga descontou para os comandados de Abel Ferreira.

Continua depois da publicidade


Com o resultado, o Tricolor assegura a taça mesmo se perder o Choque-Rei por um gol de diferença. Por sua vez, o Verdão precisa ganhar por três ou mais gols de saldo para levar o título nos 90 minutos. Se o placar agregado terminar empatado, a decisão vai para os pênaltis



A expectativa é que até 30 mil palmeirenses compareçam ao estádio alviverde, que terá a capacidade reduzida entre 25% e 30%, devido à montagem da estrutura para o show da banda Maroon 5, na terça-feira (5). O setor que fica atrás do gol norte do Allianz Parque terá restrições de público devido à instalação do palco. Em São Paulo, em clássicos, só é permitida a presença da torcida da casa. 

Continua depois da publicidade



A final de 2022 traz novamente os finalistas do último Paulista. Em 2021, as equipes empataram sem gols no Allianz Parque no jogo de ida. Na volta, no Morumbi, o São Paulo levou a melhor por 2 a 0, com o volante Luan e o atacante Luciano. A conquista encerrou um jejum de quase nove anos sem títulos do clube do Morumbi. Se erguer a taça de novo, o Tricolor volta a ser bicampeão estadual depois de 30 anos.


Caso o troféu fique no Allianz Parque, Ferreira vai se isolar como quarto treinador mais vitorioso da história alviverde, com cinco títulos. No clube desde novembro de 2020, o português divide o posto com os uruguaios Ventura Cambón e Humberto Cambelli. O treinador também ficaria a um troféu de igualar Luiz Felipe Scolari, terceiro colocado da lista (que é liderada por Vanderlei Luxemburgo, com oito conquistas).


No Palmeiras, a expectativa é pela volta de Danilo à equipe titular. O volante não disputou a primeira partida por um trauma na coxa esquerda. Se estiver 100%, assume o posto que vem sendo ocupado por Jailson. A provável escalação para domingo terá: Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Murilo e Joaquín Piquerez; Danilo (Jailson), Zé Rafael, Gustavo Scarpa e Raphael Veiga; Dudu e Rony.


Do lado são-paulino, a novidade pode ser a volta do zagueiro Robert Arboleda, que não atuou no jogo anterior por estar com a seleção equatoriana nas Eliminatórias da Copa do Mundo. Ceni, no entanto, pode manter a formação que saiu vitoriosa no Morumbi com: Jandrei; Rafinha, Diego Costa, Léo e Welington; Pablo Maia, Rodrigo Nestor, Alisson e Igor Gomes; Éder e Jonathan Calleri.

Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade