14/07/20
24º/16ºLONDRINA
PUBLICIDADE
Tudo parado

Pandemia e burocracia atrapalham patrocínio de Dani Alves no São Paulo

Demorou muito mais do que o São Paulo esperava para fechar a sua primeira parceria para ajudar a pagar os custos de Daniel Alves. Por causa da pandemia do novo coronavírus e as questões burocráticas, ainda não foi possível concretizar o acordo com a DAZN. Segundo apurou a reportagem, a empresa de streaming está disposta a desembolsar 1 milhão de dólares (cerca de R$ 5,39 milhões) por três anos.

Reprodução / Instagram
Reprodução / Instagram


A empresa tem seu escritório na Inglaterra e, também por isso, os últimos detalhes do contrato não puderam ser firmados até agora. Ainda não há uma previsão de quando a situação deverá ser normalizada, com o fim de restrições para viagens.

No acordo, está previsto que o lateral direito será uma espécie de embaixador da DAZN no Brasil durante o período em que defender o São Paulo. Para o clube fechar tal parceria, o executivo de futebol, Raí, e o gerente, Alexandre Pássaro, contaram com a ajuda de um colegiado de profissionais de marketing, que também deu suporte na hora de apresentar o projeto para convencer Daniel Alves a atuar no clube do Morumbi.

O São Paulo não precisou desembolsar dinheiro pela transferência do ídolo, que já estava sem contrato após defender o Paris Saint-Germain. Na época, o São Paulo surpreendeu o mercado da bola ao oferecer um acordo com validade mais longa para Daniel Alves e tirá-lo da Europa.

Como o departamento de futebol selou o negócio, o São Paulo passou a responsabilidade de buscar os parceiros para arcar com os custos do jogador para os dirigentes do setor (Raí, executivo de futebol, e Alexandre Pássaro, gerente da pasta) -tirando a exclusividade das obrigações do marketing.
Folhapress
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Conteúdo relacionado:
Solidariedade
Zagueiro do Santos serve sopa para moradores de rua durante pandemia
Mantendo a forma
Neymar já perdeu 3kg com treinos em sua casa durante a quarentena
Templos do futebol
Revista elege 30 estádios mais vibrantes do mundo; Maracanã é 10º
Continue lendo
Campeonato Brasileiro
CBF prevê disputa da Série D entre setembro e fevereiro
14 JUL 2020 às 16h12
FCF
Catarinense é suspenso por 14 dias após polêmica com atletas infectados
14 JUL 2020 às 15h59
Volante
Cantillo testa positivo para Covid-19 e desfalca Corinthians no clássico
14 JUL 2020 às 15h50
Valioso
Contrato de Sampaoli com o Atlético-MG tem multa de US$ 2,5 milhões
14 JUL 2020 às 11h38
Protocolo
Grêmio vai fazer novo teste em atletas com Covid-19 antes do Gre-Nal
14 JUL 2020 às 10h35
37 anos
Daniel Alves diz que quer se aposentar jogando pelo Bahia
14 JUL 2020 às 09h33
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados