Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Polêmica

Patrocinadora reforça preocupação com denúncias no Corinthians

Folhapress
25 mai 2024 às 10:50
- Rodrigo Coca/Ag. Corinthians
Publicidade
Publicidade

A casa de apostas esportivas online Vai de Bet, patrocinadora máster do Corinthians, divulgou nota nesta sexta-feira (24) em que confirma sua preocupação com as acusações recentes sobre a intermediação do acordo com o time do Parque São Jorge. Há suspeita de pagamentos em nome de uma empresa "laranja".

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Leia mais:

Imagem de destaque
Atuação nos anos 80

Corinthians lamenta morte de ex-goleiro César

Imagem de destaque
Dona Celeste Arantes

Morre em Santos, mãe de Pelé, aos 101 anos

Imagem de destaque
Quase saiu

Dudu vê indiferença e apoio tímido em reencontro após novela no Palmeiras

Imagem de destaque

Saiba quais são as contratações mais caras do Palmeiras

A empresa afirma no comunicado que "observa com atenção os desdobramentos do atual cenário e avalia os próximos passos".

Publicidade


Sobre o contrato com o clube, a casa de apostas diz que recebeu contato de um intermediário sobre a possibilidade de firmar um acordo de patrocínio máster e nega que tenha feito qualquer contato com outra empresa para concretizar o negócio.


"[A Vai de Bet] foi conduzida pelo referido interveniente até a diretoria do clube para o início das negociações. Nunca houve contato com qualquer outra empresa a respeito da negociação para o acordo de patrocínio", afirma em nota.

Publicidade


No texto, a empresa também confirma que teve encontros recentes com a diretoria do Corinthians para manifestar preocupação de que as denúncias possam prejudicar sua imagem.


"Durante as últimas semanas, a Vai de Bet pediu informações ao Corinthians em ocasiões variadas e realizou reunião presencial na sede do clube no dia 8 de maio, além de ter enviado um comunicado à diretoria na última segunda-feira (20)", informou a casa de apostas.

Publicidade


O acordo entre as partes, o primeiro grande patrocínio firmado pela gestão de Augusto Melo, prevê que, em caso de rescisão sem justa causa, a parte interessada no rompimento tem de arcar com uma multa de 10% do valor total restante do contrato. Atualmente, essa multa seria de R$ 30 milhões -com duração de três anos, o valor total do contrato é de R$ 370 milhões.


O acordo está sendo investigado pelo Conselho Deliberativo do Corinthians, após grupos de oposição no clube terem exigido esclarecimentos sobre o pagamento de R$ 25,2 milhões de comissão para a empresa Rede Social Media Design. A companhia pertence a Alex Fernando André, que atuou na campanha de Augusto à presidência do time alvinegro.

Publicidade


Na segunda-feira (20), o jornalista Juca Kfouri afirmou em seu blog no UOL que a empresa repassou parte da comissão que recebeu para uma empresa "laranja", chamada Neoway Soluções Integradas em Serviço Ltda, registrada no nome de Edna Oliveira dos Santos, uma mulher que reside na cidade de Peruíbe e que, de acordo com Juca, nem sequer sabia da existência da empresa em seu nome.


Em nota, o Corinthians afirmou que "todas as negociações, incluindo patrocínios, se deram de forma legal com empresas regularmente constituídas. O clube destaca que não guarda responsabilidade sobre eventuais repasses de valores a terceiros. Caso sejam apresentadas quaisquer provas de ilícitos, estes serão discutidos junto ao Conselho Deliberativo para providências que se fizerem necessárias".

Publicidade


VEJA ÍNTEGRA DA NOTA DA VAI DE BET


"A Vai de Bet informa que tem acompanhado atentamente as publicações e manifestações envolvendo o comissionamento do contrato de patrocínio ao Sport Club Corinthians Paulista, e que desde o mês de abril tem solicitado esclarecimentos sobre o caso.

Publicidade


Durante as últimas semanas, a Vai de Bet pediu informações ao Corinthians em ocasiões variadas e realizou reunião presencial na sede do clube no dia 8 de maio, além de ter enviado um comunicado à diretoria na última segunda-feira (20).


Desde o primeiro momento, a Vai de Bet foi contatada por um agente intermediário sobre a possibilidade de se firmar um acordo para patrocínio master do Corinthians e foi conduzida pelo referido interveniente até a diretoria do clube para o início das negociações. Nunca houve contato com qualquer outra empresa a respeito da negociação para o acordo de patrocínio.


A Vai de Bet observa com atenção os desdobramentos do atual cenário e avalia os próximos passos."


Imagem
Corinthians 'fecha porta' para ídolos e estimula novas lideranças no elenco
O Corinthians mantém a reformulação no elenco e "fecha a porta" para ídolos do clube.
Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade