Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Libertadores

Sport vira sobre LDU e garante 1º lugar do grupo

Agência Estado
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

O Sport garantiu a primeira posição do Grupo 1, considerada a chave mais difícil da Copa Libertadores, nesta quarta-feira, ao derrotar a atual campeã LDU, por 3 a 2, de virada, em Quito, pela última rodada da fase classificatória da competição.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Já classificado para as oitavas-de-final, o Sport chegou aos 13 pontos e conquistou o direito de decidir em casa a vaga para as quartas-de-final. Sem chances de avançar na Libertadores, a LDU se despediu da competição com apenas quatro pontos. A segunda vaga do Grupo 1 ficou com o Palmeiras, que derrotou o Colo Colo, fora de casa, com gol no final do jogo.

Continua depois da publicidade


Em um estádio praticamente vazio, as duas equipes fizeram um jogo morno, apesar do primeiro gol ter saído logo aos 2 minutos de jogo. Após cobrança de escanteio da esquerda, Espínola surgiu no meio da área e acertou a cabeça na bola, abrindo o placar.


O gol não movimentou a partida, que seguiu lenta. Já classificado e apenas em busca de garantir a liderança do grupo, o Sport manteve a tranquilidade e passou a cercar a LDU na intermediária. Aos 12, Wilson bateu firme da entrada da área e o goleiro Viteri mostrou segurança na defesa.


Sem contar com a resistência dos donos da casa, o Sport chegava com facilidade, trocando passes na entrada da área. Aos 22, depois de saída equivocada da defesa, Andrade recebeu passe na intermediária e bateu forte. A bola ainda bateu nas duas traves antes de morrer no fundo das redes: 1 a 0.

Continua depois da publicidade


Cada vez mais apagado em campo, o time da LDU aceitou o empate e só voltou a ameaçar o gol do Sport aos 29, quando Igor e Vera se esbarraram na área e o árbitro venezuelano Juan Soto marcou pênalti. Na cobrança, Vaca finalizou quase no meio do gol e o goleiro Magrão fez boa defesa.


Três minutos depois de perder a chance de ficar à frente no placar, a equipe da casa ficou com um jogador a menos em campo. Durval fez forte marcação sobre Salas, que tentou acertar o rosto do brasileiro na disputa de bola e acabou recebendo cartão vermelho.


Os anfitriões, porém, não se abateram com a expulsão e o pênalti desperdiçado. Aos 34, Vera chutou forte, de fora da área, e Magrão novamente evitou o gol equatoriano. E, aos 40, Chila rolou para Vera, que mandou colocado no ângulo esquerdo de Magrão, em um belo gol.


O segundo tempo iniciou com pouca movimentação no meio-campo e praticamente sem exigir trabalho de ambos os goleiros. O Sport mostrou maior iniciativa, com avanços pela direita com Vandinho. A partida só ganhou movimentação com o empate do Sport, aos 12 minutos. Andrade levantou na área e Igor subiu sem marcação para mandar de cabeça para as redes, sem dar chance ao goleiro Viteri.


Motivado pelo empate, o time pernambucano começou a pressionar a saída de bola da LDU, que mal chegava ao ataque. Aos 28, Vandinho escorou cruzamento de Dutra e quase marcou. A zaga desviou e evitou o terceiro gol brasileiro.

Com maior volume de jogo, que permitia criar mais jogadas, o Sport não demorou a obter a virada sobre os equatorianos. E, aos 32, Andrade marcou o segundo gol na partida ao bater de fora da área e sacramentar a virada do time pernambucano. Nos minutos finais do jogo, Diego Calderón ainda chutou Sandro Goiano e foi expulso, deixando a LDU com apenas nove atletas em campo.


Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade