Pesquisar

Canais

Serviços

Os torcedores carregaram faixas com as inscrições "É uma coisa indigna" e "Silvio (Berlusconi, presidente do Milan), não venda meu Kaká" - Divulgação/Uefa
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Manifestação

Torcedores do Milan protestam contra venda de Kaká

Agência Estado
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

Um grupo de torcedores do Milan foi nesta segunda-feira até a sede do clube, em Milão, para protestar contra a possível venda de Kaká para o Manchester City. Os manifestantes - cerca de 500, segundo a imprensa italiana -, levaram faixas de apoio ao jogador e esperam pressionar a diretoria do Milan para manter o brasileiro na equipe.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Em manifestação pacífica, os torcedores carregaram faixas com as inscrições "É uma coisa indigna" e "Silvio (Berlusconi, presidente do Milan), não venda meu Kaká", em referência à proposta do clube inglês, de mais de 100 milhões de libras (cerca de R$ 340 milhões), pelo jogador. Depois de uma hora de protestos, os manifestantes se dirigiram para a casa do brasileiro.

Continua depois da publicidade

Bosco Leite, o pai de Kaká, está em reunião com o presidente executivo do Manchester City, Garry Cook. Depois do encontro, Cook e Bosco Leite irão conversar com os dirigentes do Milan. A definição sobre a venda do jogador pode acontecer ainda nesta segunda.


Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade