Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Polêmica

Manifestantes pedem que tocha olímpica não vá ao Tibet

Agência Estado
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

O percurso da tocha olímpica de Pequim transformou-se em mais uma polêmica para o Comitê Olímpico Internacional (COI). Nesta segunda-feira, quase 500 manifestantes protestaram em frente ao à sede do comitê, pedindo que a tocha não passe pelo Tibet.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

O protesto foi organizado por entidades, inclusive brasileiras, de apoio ao dalai-lama diante da repressão sofrida pelos monges nos últimos dias pela polícia chinesa. Os manifestantes ainda pediram que o COI se posicionasse diante da crise no país sede dos Jogos Olímpicos.

Continua depois da publicidade

Segundo os tibetanos, a passagem da tocha pelas montanhas do Tibet será usada pela China como uma demonstração de soberania de Pequim sobre a área, que pede sua independência. "Nossas montanhas são sagradas e a tocha pode representar uma ameaça a nossas intenções de acabar com a invasão chinesa", afirmou um manifestante, que preferiu não se identificar para evitar que sua família sofra conseqüências na China. A passagem da tocha pela capital do Tibet, Llasa, está prevista para junho.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade