13/12/19
33º/20ºLONDRINA
AI DE QUEM É ‘IMPURO’

Serial killer

Maníaco da cruz apavora a região

O fato de que Dionathan Celestrino, 21 anos, o Maníaco da Cruz, estaria rondando o Norte do Paraná causa arrepios nos moradores. Ele é acusado de ter matado três pessoas em Rio Brilhante, Centro Oeste do Mato Grosso do Sul, quando tinha 16 anos. O jovem teria executado duas mulheres e um homem com brutalidade, após questioná-los e sentenciá-los como impuros.
Com os braços abertos, os corpos foram encontrados em formato de cruz, que renderam o apelido ao assassino. Duas vítimas teriam sido mortas por revelarem ser homossexual e uma adolescente por não ser mais virgem.
O rapaz foi apreendido na época, mas escapou no dia 3 de março da Unidade Educacional de Internação de Ponta Porã (MS), a aproximadamente 350 quilômetros de Campo Grande.

Na última semana, conversas de que o assassino estaria sendo visto em Rolândia deixou a comunidade em alerta. De acordo com o apresentador do programa policial Cidade Urgente, Guilherme Spanguemberg, a população "ficou alvoroçada" e muita gente está intrigada. "A história já estava rolando. Hoje de manhã (sexta-feira) coloquei o caso no ar e grande parte da população me ligou. Uns dizendo que viram e outros querendo informações do maníaco", relata ele.
Guilherme explica que a repercussão de que o criminoso estaria nas proximidades tomou conta do município inteiro rapidamente. "Não era pra tomar essa proporção. Mas a língua do povo ninguém segura", diz o comunicador. Os contatos do radialista não se limitaram apenas aos ouvintes, policiais deram depoimento sobre a aproximação do maníaco. "Um tenente, que prefiro não divulgar o nome, afirmou ter visto o indivíduo no município de Jaguapitã, mas não o prendeu no dia porque não sabia do caso até então."
Buscando tranquilizar a comunidade, o radialista ressalta que comunicou todas as autoridades policiais da cidade. "Liguei para o capitão do 15° Batalhão da PM, Marcos Tordoro, de Rolândia, e ele se prontificou a comunicar todos os policiais da região", salienta Guilherme, acrescentando que passou as informações também ao delegado da cidade, Valdir Fernandes.
O radialista alerta a todos que o maníaco da cruz não é simplesmente um ‘mito’. "É um assassino que está nas ruas. Não é um chupa-cabras ou uma mula sem cabeça", acrescenta.

"Se ele aparecer, eu o mato"

A auxiliar de limpeza Fátima Mancini, que mora no distrito de São Martinho e trabalha em Rolândia, conta que seus vizinhos afirmaram ter visto o maníaco da cruz por lá. "Ouvi dizer que ele até atacou. Por isso estou morrendo de medo, principalmente porque tenho um casal de filhos e vou embora de noite", diz.
Medo que não tem o militar aposentado Jorge Luiz Ribeiro. "Se ele aparecer, eu mesmo o mato. Faço questão de derrubar esse assassino", afirma Ribeiro.
"Moro no Jardim Horizonte e disseram que estava por lá. Morro de medo", declara a técnica de enfermagem Márcia do Nascimento. Apesar do temor, tenta tirar algo positivo da história. "Tenho uma filha jovem, que gostava de sair de noite, mas desde que os boatos começaram a garota não sai de casa", conta a moradora de Rolândia.

Viajando

Outras informações apontam que o maníaco foi visto também em diversas outras cidades do país, entre Estados como Minas Gerais, Mato Grosso, Goiás, além de já ter passado pelo Paraguai, próximo da fronteira com o Brasil. Qualquer informação sobre o paradeiro de Dionathan Celestrino deve ser comunicado ao telefone da Polícia: 190. (Paulo Monteiro/NOSSODIA)


Fotos: Reprodução/Internet
Fotos: Reprodução/Internet

Dionathan em dois momentos: posando com roupas de gótico em uma
rede social e anos depois, já preso pelo assassinato de três pessoas




Radialista confirma: notícia agitou crônica policial da região

comentários
Continue lendo

Síndico profissional

Sonhos

Pilhas

Humor

Inep vai divulgar notas do Enem

Santo do dia

Santo Antão

Veja mais e a capa do canal