Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade

ÚLTIMOS MOMENTOS - Baleado no Pindorama, atendido no PAI e morto na Santa Casa

Paulo Monteiro
NOSSODIA
21 mar 2016 às 09:14
Continua depois da publicidade
Ricardo Antonio Gonzaga Junior, 23 anos, lutou com toda a força pela vida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital, engrossando a lista de homicídios em Londrina no ano de 2016. Segundo levantamento do NOSSODIA, o jovem é a 42ª pessoa assassinada no município. Junior e outras duas pessoas teriam sido atingidas por vários tiros no Jardim Pindorama, zona leste, na noite de sábado. Ele ainda teria procurado socorro no Pronto Atendimento Infantil (PAI), na região central, antes de ser encaminhado em estado grave para a Santa Casa, onde, horas depois, já na madrugada de domingo, morreu.
De acordo com o registro de ocorrências do Corpo de Bombeiros, às 21h45, socorristas do Siate foram acionados no Jardim Pindorama, na rua Santa Rosa, para atender uma vítima ferida por arma de fogo.
No local, uma moça teria sido baleada. A jovem não sofreu ferimentos graves e foi encaminhada para o hospital. Minutos depois, a Polícia Militar recebeu a informação de que Ricardo Antonio Gonzaga Junior teria ido buscar ajuda no PAI, antes de ser encaminhado para a Santa Casa.
O corpo de Junior foi recolhido no hospital na madrugada de domingo, no Instituto Médico Legal de Londrina (IML). O jovem foi velado durante a tarde, no Jardim Castelo, e sepultado no mesmo dia, no cemitério Padre Anchieta, também na região leste de Londrina.
Uma terceira pessoa teria sido baleada e socorrida na mesma noite. Apesar de supostamente estarem em locais diversos, os três baleados foram atingidos no Jardim Pindorama. Um motociclista é o suspeito de ter atirado contra as vítimas. O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios.

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade