Pesquisar

Canais

Serviços

Gustavo Carneiro/Grupo Folha
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

'Petiatras' levam alegria a instituições de Londrina

Mariana Sanches Otta - Especial para a FOLHA
07 jan 2022 às 07:44
Continua depois da publicidade

Poderia ser um dia normal no Caps 3 (Centro de Atenção Psicossocial) de Londrina, com pacientes aguardando atendimento, salas de terapia ocupacional em plena atividades e acompanhantes na entrada da unidade. Mas o ambiente muda assim que  Zara e Princesa entram guiadas pela tutora Carol Thomaz Aquino. As Petiatras atraem olhares, sorrisos e, em poucos minutos, se tornam o centro da atenção de funcionários, pacientes e acompanhantes.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Apesar do ar descontraído, as duas cachorras estão ali para fazer um trabalho muito sério: levar alegria para quem precisa. Fundando em 2016, o Petiatras é um projeto que busca proporcionar um momento de descontração para diferentes instituições da cidade (Caps, hospitais, Cense e ONG Viver) e precisou ser interrompido com o início da pandemia da Covid-19, em 2020. Com a melhora do cenário e o avanço das vacinas, os Petiatras voltaram a atender no Caps e, em breve, pretendem voltar a marcar presença nos outros locais.

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


Aquino relembra que o projeto nasceu após um encontro de Goldens Retrievers. “Alguns tutores desses Goldens, entre eles eu, vimos que eles eram muito amorosos e quisemos que esse amor não ficasse só em casa! Assim, eu, a Zara e mais três tutores começamos a ir ao Hospital Universitário de Londrina e na ONG Viver em novembro de 2016”, recorda.


Saiba mais sobre o assunto na Folha de Londrina.

Continue lendo