Pesquisar

Canais

Serviços

- Pexels
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Prevenção

Saiba sobre a importância da vacinação em animais domésticos

Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
10 mar 2022 às 16:58
Continua depois da publicidade

Os animais de estimação estão presentes em quase metade dos lares brasileiros. O Brasil tem a segunda maior população de cães e gatos do mundo, atrás somente dos Estados Unidos. Não à toa, os bichinhos têm sido vistos cada vez mais como membros da família.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Dados da PNS (Pesquisa Nacional de Saúde) de 2019, divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) apontaram que 46,1% dos domicílios tinham pelo menos um cachorro. Já os gatos faziam parte de 19,3% dos lares brasileiros. São quase 48 milhões de casas no país com pelo menos um pet, o que reforça ainda mais a necessidade de estar de olho na saúde dos bichos.

Continua depois da publicidade


Para garantir o bem-estar dos animais e dos tutores, a vacinação é fundamental. É por meio delas que os pets e as pessoas que convivem com eles permanecerão saudáveis. A vacinação previne o contágio entre um animal e outro, ou mesmo entre um animal e pessoas. “O cuidado com o animal está diretamente ligado à prevenção de doenças. E a melhor forma de fazê-la é a vacinação, que deve ser recomendada e administrada por um médico-veterinário”, diz Fabiana Avelar, médica-veterinária e Gerente de Produtos de Animais de Companhia da Zoetis.


Além de ser um ato de amor para com os animais, a vacinação é uma responsabilidade de saúde pública. Existem vacinas obrigatórias e complementares, e o veterinário é quem vai definir o melhor protocolo de vacinação para o seu pet, baseado no estilo de vida, localização geográfica e viagens.


De acordo com as recomendações atuais, cães e gatos devem ser vacinados logo nos primeiros meses de vida. Terminado esse ciclo preventivo inicial, a vacinação deve ser feita anualmente ou a critério do médico-veterinário.

Continua depois da publicidade


“Essa prevenção é importante tanto para os animais quanto para a proteção de seus tutores, já que algumas doenças de cães e gatos (como leptospirose e giardíase em cães e raiva em cães e gatos) são zoonoses, ou seja, podem passar do animal para o ser humano”, completa Alexandre Merlo, Gerente Técnico de Animais de Companhia da Zoetis.

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade