Pesquisar

Canais

Serviços

- Emerson Dias/N.Com
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
NA BIBLIOTECA MUNICIPAL

Sema promove campanha 'Animal Cultural' para crianças em Londrina

Micaela Orikasa - Grupo Folha
22 abr 2022 às 09:14
Continua depois da publicidade

A Biblioteca Pública Municipal, que fica no centro de Londrina, está montando um acervo especial sobre a causa animal. A ideia é que os alunos da rede pública de ensino, municipal e estadual, possam visitar o espaço, participando também de atividades lúdicas. Tudo ligado ao universo dos animais.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


O projeto “Animal Cultural” é promovido pela Diretoria de Bem-Estar Animal, da Sema (Secretaria Municipal do Ambiente), e foi lançado recentemente, em atenção ao “Abril Laranja”, mês mundial de combate à crueldade aos animais. A iniciativa é uma parceria entre as secretarias municipais do Ambiente, Cultura e Educação e tem o objetivo de sensibilizar cada vez mais a população para o tema, como explica Luciana Leite, pedagoga em atuação na Diretoria de Bem-Estar Animal.

Continua depois da publicidade


“Buscamos uma mudança de atitude. Ao ter conhecimento sobre os direitos e cuidados com os animais, essas crianças se tornarão melhores adultos nesta questão”, afirma. A abordagem de conteúdos relacionados ao direito e proteção dos animais estão previstas no currículo escolar da rede municipal de ensino, por meio da lei municipal no 13.331/2021.


O projeto Animal Cultural consiste na visitação das escolas à Biblioteca Pública, onde os estudantes participarão de atividades artísticas e contação de histórias, além de terem acesso a uma mostra de livros relacionados ao tema. A primeira turma a participar do Animal Cultural será o 1º ano da Escola Municipal Maestro Andrea Nuzzi, que fica na zona sul da cidade. A visita será no dia 28 de abril, às 14h. “Essa ação marca o encerramento do Abril Laranja, mas o projeto terá continuidade durante todo o ano e as escolas interessadas em participar, podem entrar em contato com a Sema”, diz.


Continue lendo na Folha de Londrina.

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade