Pesquisar

Canais

Serviços

Divulgação
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Mais de 200 casos

Apucarana registra recorde de contaminados pela Covid-19

Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
11 jan 2022 às 10:50
Continua depois da publicidade

Com o registro de 274 casos, Apucarana bateu nesta segunda-feira (10) um novo recorde de pessoas contaminadas com a Covid-19. É um patamar superior ao atingido no auge da pandemia no último ano, quando no dia 25 de maio de 2021 a cidade computou 170 diagnósticos positivos da doença.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


O último recorde diário de contaminações foi de 186 e havia sido registrado na última sexta-feira (7). 

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


Desde primeiro de janeiro, Apucarana soma 822 casos da Covid. “Esses números crescentes são reflexo da nova variante ômicron, altamente contagiosa, bem como das reuniões familiares no Natal e do Ano Novo. Diante desse cenário pedimos para população redobrar os cuidados preventivos como o uso de máscara, higienização das mãos e evitar aglomerações”, afirma o prefeito Junior da Femac.


O secretário Municipal da Saúde, Emídio Bachiega, afirma que a saúde está em alerta diante do número recorde de casos. “A Autarquia Municipal de Saúde está trabalhando para garantir o atendimento e testagem de todos os pacientes para Covid. Apesar da alta de casos, o número de internamento e óbitos continua estável no município. Isso se deve ao alto percentual de vacinação entre os apucaranenses. 

Reforçamos o apelo para que busquem o nosso posto de vacinação no Complexo Esportivo Lagoão, seja para 1ª dose, 2ª dose e a de reforço”, apela o secretário.

Continua depois da publicidade


Medidas de enfrentamento


Em resposta ao crescente número casos da Covid-19 e da presença novo vírus da influenza, o H3N2, na cidade, o prefeito Junior da Femac e o secretário municipal da Saúde, Emídio Bachiega garantiram, desde a semana passada, um reforço ao atendimento prestado as pessoas que apresentam sintomas de doenças respiratórias.


A primeira medida, que visa garantir o atendimento médico mais perto da casa do usuário do SUS, disponibilizou um médico a mais em 4 Unidades Básicas de Saúde para atender prioritariamente casos de doenças respiratórias, entre 9 horas e 21 horas, sem necessidade de agendamento prévio. São as UBSs Raul Castilho, no Núcleo Habitacional João Paulo; Takaiti Miyadi, no Núcleo Habitacional Dom Romeu; Antonio Sachelli, no Jardim Colonial; e Maria do Café, no Jardim Ponta Grossa.


Desde sexta-feira (7) a saúde de Apucarana também passou a contar com uma Central de Testagem da Covid-19, que funciona no andar térreo da Autarquia Municipal de Saúde, numa área anexa ao local da coleta de exames do Laboratório Municipal.

Continue lendo