Pesquisar

Canais

Serviços

- Vivian Honorato/N.Com
O retorno da vacina

Londrina retoma agendamento da vacinação contra Covid-19 para jovens a partir de 21 anos

Redação Bonde
10 set 2021 às 18:00
Continua depois da publicidade

A secretaria municipal de Saúde liberou novamente o agendamento da vacinação contra a Covid-19 para os jovens a partir de 21 anos com cadastro validado em Londrina. A vacinação estava suspensa desde terça-feira (7) por falta de imunizantes

Continua depois da publicidade


Faça seu agendamento no Portal da Prefeitura

Continua depois da publicidade


Não se esqueça de levar seu QR Code impresso, documento pessoal com foto e comprovante de residência no dia da sua vacinação. As seis salas de vacinação em Londrina são o Centro de Imunização da Zona Norte (CCI Norte), mais as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do Jardim do Sol, Alvorada, Eldorado, Ouro Branco e Vila Casoni.


A aplicação da primeira dose está liberada mediante a remessa de um novo lote de imunizantes, que chegará em Londrina no sábado (11). São aproximadamente 8.400 vacinas destinadas à primeira dose, e que irão atender não só os jovens com 21 anos, mas também pessoas de 22 a 59 anos que se cadastraram para a vacinação tardiamente, após suas faixas etárias terem sido contempladas.

Continua depois da publicidade


Para atender este público, e também as pessoas que já concluíram o intervalo entre primeira e segunda dose, foram abertas 23.675 vagas de atendimento nas cinco salas exclusivas de vacinação em Londrina, com datas até a próxima sexta-feira (17).


Neste sábado (11), a vacinação contra Covid-19 ocorrerá no Centro de Imunização da Zona Norte e nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do Jardim do Sol, Alvorada, Eldorado, Ouro Branco e Vila Casoni. Todas as salas abrirão das 7h30 às 19h, e retornam segunda-feira (13), no mesmo horário.


“Reforçamos o pedido para que levem impresso o comprovante de agendamento com o QR-Code, seja para receber a primeira ou a segunda dose. E, no caso de segunda dose, o cartão de vacinação que foi fornecido no primeiro atendimento”, frisou o secretário municipal de Saúde, Felippe Machado.


(Com informações do N.Com)

Continue lendo