Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Prejuízos para a saúde

Bloqueio prende carga do Butantan e pode atrapalhar produção de vacinas

Folhapress
01 nov 2022 às 11:44
- Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O Instituto Butantan, que produz e fornece vacinas para o Ministério da Saúde, informou nesta terça (1º) que uma carga de ovos que serão usados para produzir imunizantes contra a gripe está presa na paralisação de caminhoneiros perto de Jundiaí (47 km de São Paulo).


Caso os ovos não cheguem até o instituto, que fica na zona oeste da capital, até o final desta manhã, a produção de 1 milhão e meio de doses da vacina contra a H3N2 pode ser comprometida.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


A PRF (Polícia Rodoviária Federal) informou que há 217 bloqueios em todo o país, com caminhoneiros contestando o resultado das urnas, que sagraram a vitória de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) sobre o atual presidente Jair Bolsonaro (PL). O movimento acontece em 22 estados e no Distrito Federal.

Leia mais:

Imagem de destaque
Entenda

Veto a procedimento de aborto legal já afeta atendimentos a meninas estupradas

Imagem de destaque
Recorde de mortes em um ano

Brasil tem média de 11 mortes por dia por dengue em 2024

Imagem de destaque
Entenda

Com envelhecimento da população, casos de câncer de próstata devem dobrar até 2040, diz estudo

Imagem de destaque
Saiba mais

Entenda como é o mecanismo de agravamento e morte por dengue


O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes determinou hoje que a Polícia Militar tem poder para desbloquear as vias federais, multando e prendendo os manifestantes. Além da penalidade, o ministro determina que, em caso de descumprimento, aconteça o "afastamento do Diretor-Geral das funções e a prisão em flagrante de crime" e fala em "omissão e inércia da PRF" para resolver a situação.


Vídeos publicados nas redes sociais também registraram apoio aos protestos antidemocráticos por parte dos agentes da PRF em alguns bloqueios. "A única ordem que temos é para estar aqui com vocês", disse um agente a um grupo em Palhoça (SC). Ele é aplaudido e celebrado pelos presentes.

Publicidade

Últimas notícias

Publicidade