Pesquisar

Canais

Serviços

- Vivian Honorato/ N.com
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Faça o teste

Londrina realiza campanha de testagem rápida de Infecções Sexualmente Transmissíveis

Redação Bonde com N.com
05 ago 2021 às 14:17
Continua depois da publicidade

Londrina fará uma campanha de testagem rápida para o diagnóstico precoce das Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) em alusão ao Dia Internacional da Juventude, celebrado em 12 de agosto. A data visa sensibilizar os jovens sobre a importância de eles assumirem a responsabilidade quanto ao futuro do planeta e sobre sua saúde. A campanha acontecerá a partir da próxima segunda-feira (9), se estendendo até quinta-feira (12).

Continua depois da publicidade


Para isso, o Centro de Testagem e Aconselhamento Dr. Bruno Piancastelli Filho (CTA) vai ampliar os horários para agendamento dos testes rápidos. Durante a ação, o atendimento será feito das 7h às 18h, na sede do CTA, que fica na Alameda Manoel Ribas, 01, segundo piso, na região central de Londrina.

Continua depois da publicidade


A iniciativa faz parte da Campanha Fique Sabendo, que busca estimular a população a fazer testes rápidos para o diagnóstico precoce das ISTs, como a HIV/aids, sífilis e as hepatites virais. Segundo o Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde, referente a 2020, 920 mil pessoas vivem com o HIV no Brasil. Destes, o grupo mais afetado pela doença são os jovens, entre 20 a 24 anos de idade. Esse segmento concentra quase 30% dos casos positivos no país.


Em Londrina, de acordo com dados oficiais, de 1º de janeiro de 2021 até a última quarta-feira (4), 1.453 pessoas realizaram o teste rápido para HIV, sendo que 59 positivaram para o vírus da aids. Destes, 55 eram homens e quatro, mulheres. A maioria das pessoas infectadas pelo vírus HIV tem entre 15 e 29 anos, sendo que esse segmento representa 63,63% do total. Além deles, 18% têm de 30 a 34 anos; 5,45% têm idades entre 35 e 39 anos; e 9% estão na faixa de 40 a 44 anos.

Continua depois da publicidade


Através do exame de sangue VDRL (Venereal Disease Research Laboratory), o CTA detectou também a infecção por sífilis em 131 pessoas de Londrina. Destas, 114 são homens e 17 mulheres. Quanto à hepatite B, duas pessoas tiveram a confirmação da doença, sendo um homem e uma mulher, enquanto oito positivaram para hepatite C, sendo seis homens e duas mulheres.


"Apesar de os jovens terem informações sobre como evitar o contágio por HIV e sífilis, eles podem ter pedido o medo dessas doenças, enquanto a geração mais velha se lembra bem das formas mais graves, que na época não tinham tratamento. O HIV levou à morte diversos ídolos de uma geração, como foi o caso do Cazuza e do Freddie Mercury. Por isso, estamos enfatizando a importância de os jovens fazerem os testes rápidos, especialmente nessa campanha, que é voltada a eles”, explicou o enfermeiro do CTA, Edvilson Cristiano Lentine.


Testes gratuitos – O Sistema Único de Saúde (SUS) oferece a toda a população testes rápidos e gratuitos para a detecção de Infecções Sexualmente Transmissíveis. Para realizá-los, não é necessário estar em jejum. Basta apenas agendar o horário no site da Prefeitura de Londrina, no banner "CTA”, ou clicando aqui, e comparecer no dia e hora marcados, utilizando máscara facial de proteção e portando um documento de identificação com foto (RG ou Carteira de Motorista).

Na próxima semana, quem participar da campanha vai receber um kit contendo materiais informativos, preservativos masculino e feminino e gel lubrificante para as relações sexuais. Os exames são realizados de acordo com as normas do Ministério da Saúde, com produtos registrados e controlados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA/MS). Eles levam cerca de 30 minutos. Quem não puder comparecer no horário agendado deve avisar, previamente, ao CTA.


Continue lendo