Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Proteção

Viagra ganha embalagem contra falsificação

Redação Bonde]
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

A partir deste mês, o medicamento Viagra, indicado para o tratamento da disfunção erétil produzido pela Pfizer, terá nova embalagem no Brasil. Mais moderna, a caixa inclui novos dispositivos para dificultar a falsificação da embalagem da pílula azul. "A falsificação de medicamentos é um problema sério, que pode comprometer a saúde dos pacientes", afirma João Fittipaldi, diretor médico da Pfizer. "A nova embalagem do Viagra tem o intuito de proporcionar mais segurança, dificultando sua imitação."

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

O layout da embalagem de Viagra foi totalmente reformulado. Além disso, a caixa agora é azul metalizada e produzida em papel diferenciado, que custa até 8 vezes mais do que o papel usado na embalagem atual.

Continua depois da publicidade


Outro item que facilitará a identificação de qualquer violação pelo consumidor é a colagem da caixa – quando abertas, as quatro abas se descolam e são danificadas. As mudanças valem para todas as apresentações de Viagra (25mg, 50mg e 100mg em caixas de dois, quatro ou oito pílulas). Não haverá modificações nos blisters (cartela) dos comprimidos. Vale ressaltar que a embalagem antiga poderá ser encontrada nas farmácias e drogarias por alguns meses, já que muitos estabelecimentos mantêm o produto em estoque.


A nova embalagem se soma a outras medidas já tomadas pela Pfizer, como o selo holográfico de segurança e a "raspadinha". O selo tem fundo e logotipo da Pfizer na cor azul marinho e é trocado periodicamente para dificultar sua cópia. A "raspadinha" é uma superfície coberta com tinta que reage quando friccionada com um objeto metálico (uma chave ou moeda, por exemplo). Sob essa tinta, aparece a palavra "Qualidade" e o logotipo da Pfizer.

"É importante que o consumidor adquira o produto original. E, para isso, vale lembrar de outros procedimentos ao comprar um medicamento, como adquiri-lo em estabelecimento idôneo, solicitar nota fiscal e observar se a embalagem não está violada", detalha Fittipaldi.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade