Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

PÍLULAS

04 set 2006 às 17:28
Continua depois da publicidade

O chá de todo dia

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Beber chá é tão saudável quanto tomar água. Pesquisadores dizem, inclusive, que ele pode trazer benefícios adicionais. Um estudo publicado na revista ''European Journal of Clinical Nutrition'', vai de encontro à crença de que o chá pode desidratar. Segundo os nutricionistas britânicos, os chás protegem contra doenças cardíacas e alguns tipos de câncer. Substâncias como os flavonóides, encontradas nos chás e em vários alimentos, têm a propriedade de prevenir danos às células. Os pesquisadores do King's College, em Londres, encontraram provas de que beber entre três e quatro xícaras de chá por dia diminui as chances de um ataque cardíaco. Outros benefícios encontrados foram: proteção contra placa dentária e fortalecimento dos ossos.

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


Falsificação ameaça saúde


Até 15% dos 191 Estados-membros da Organização Mundial da Saúde (OMS) denunciam casos de falsificação de medicamentos; mas pesquisadores afirmam que o problema ainda é ocultado. Os estudiosos dizem que os países pobres são os mais prejudicados e eles calculam que as falsificações atinjam até 50% do mercado farmacêutico. Autoridades sanitárias norte-americanas dão conta de que a cada dez remédios vendidos no mundo, um seria falso. Esse mercado clandestino é uma grande ameaça à saúde das pessoas. Bangladesh, Índia e Nigéria assistiram as mortes de centenas de crianças causadas por xaropes nos anos 90. Outro exemplo, foram as falsas vacinas antigripe aviária apreendidas na China, em 2005. O alarme foi publicado em reportagem pela revista ''The Lancet''.


Fio de ouro

Continua depois da publicidade


O uso do fio dental associado à escovação é orientação básica nos consultórios odontológicos. Agora, no entanto, pesquisas apontam evidências de que apenas a escovação dos dentes pode não ser capaz de combater a doença gengival. Um trabalho publicado na revista ''Journal of Periodontology'' traz indícios interessantes. Os pesquisadores acompanharam gêmeos e observaram os efeitos de usar o fio dental duas vezes por dia, associado à escovação, bem como a escovação isolada. 51 gêmeos, entre 12 e 21 anos, participaram do estudo. Conclusão: o grupo que usou o fio dental teve 38% menos sangramento do que antes da utilização.


Prevenção de câncer cervical


Um medicamento utilizado no combate ao vírus HIV pode ter uma nova função. Cientistas da Universidade de Manchester, no Reino Unido, disseram que a medicação também tem efeito na prevenção do câncer cervical. A droga lopinavir, além de atacar o HIV, agiria contra o vírus HPV. Os testes foram publicados na revista ''Antiviral Therapy''. Se os resultados forem confirmados, os pesquisadores acreditam que será possível a criação de uma pomada -para aplicação na coluna - a partir do remédio que é administrado via oral. A novidade beneficiaria milhares de pessoas que necessitam de cirurgias para remover os tumores.


Felicidade a dois

Se depender dos resultados de um estudo norte-americano, o negócio é arranjar logo um casamento. Pela pesquisa, as pessoas que nunca casaram têm mais chances de morrer, em qualquer fase da vida, do que aquelas que estão casadas e vivem com seus parceiros. O estudo foi publicado na revista ''Journal of Epidemiology and Community Health''. Os pesquisadores da Universidade da Califórnia (EUA) utilizaram dados de uma pesquisa de saúde nacional, realizada em 1989, e o índice nacional de morte norte-americano de 1997. Segundo análise dos estudiosos, os riscos de nunca ter se casado equivalem aos riscos de ter hipertensão arterial ou colesterol elevado.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade