30/05/20
24º/LONDRINA
PUBLICIDADE
|
Optar pela cirurgia

Catarata é a principal causa de cegueira no Brasil

A catarata é uma frequente doença oftalmológica nos consultórios médicos. A doença atinge 17% das pessoas com até 65 anos e 47% dos que têm entre 65 a 74 anos. Dados do Ministério da Saúde revelam que no Brasil são realizadas mais de 450 mil cirurgias de cataratas por ano.

A doença é definida por uma alteração do cristalino, a lente natural do olho, que contribui com a focalização da imagem. Essa lente fica mais opaca e a perda da transparência dificulta a chegada da luz com consequente diminuição da visão. Na fase inicial, a qualidade da visão pode estar comprometida, com menor percepção de contraste e com o avanço, há visão progressivamente mais borrada, interferindo na qualidade de vida.


De acordo com o médico oftalmologista da CEVIPA, especialista em cirurgia de catarata, Dr. Michel Rubin, a doença é mais comum a partir dos 60 anos e acomete as pessoas em graus diferentes. "Além do envelhecimento, a catarata também pode ser provocada por uso de medicamentos como o corticóide, trauma, exposição prolongada a radiação ultravioleta, outras doenças oculares ou mesmo já estar presente já ao nascimento. Os diabéticos, por exemplo, costumam ter catarata mais cedo e com progressão mais rápida", afirma o especialista.

A catarata é progressiva, mas a boa notícia é que houve grande avanço no tratamento e há tecnologia para afastar o problema de vez com altíssimo índice de sucesso. Dr. Michel afirma que a única maneira para combatê-la é a cirurgia. "Por tratar-se de uma opacidade dentro da lente dos olhos, colírio ou óculos não têm ação, sendo o único tratamento a cirurgia", diz o especialista.

Cirurgia corretiva
A cirurgia consiste na retirada da lente opaca e implante de uma lente artificial dentro dos olhos.

A recomendação é procurar orientação de um oftalmologista aos primeiros sinais da doença, como por exemplo, dificuldade para dirigir a noite provocada pelo incomodo com o brilho dos faróis e percepção de cores menos vivas e intensas, mudança frequente no grau do óculos e aumento da sensibilidade à luz. A catarata muito madura pode trazer sérias complicações na qualidade de vida, então não é aconselhável esperar essa progressão, já que o procedimento apresenta alto índice de segurança.

A Clínica Cevipa utiliza o que há de mais moderno em cirurgias de catarata. O procedimento é realizado por meio do aparelho Centurion e Verion, anestesia menos invasiva, técnica de microincisão sem a necessidade de ponto e modernas lentes intraoculares que se abrem apenas no interior dos olhos. "Com o uso dessas tecnologias, nossas cirurgias tornam-se mais seguras, precisas, sem a necessidade do uso de tampão ocular e apresenta menor tempo de recuperação visual. Em muitos casos, podemos oferecer além da melhora visual, uma menor dependência ou mesmo independência do uso de óculos, mesmo em pessoas que o utilizaram durante toda sua vida", afirma o Dr. Michel.

Embora a cirurgia moderna de catarata possua alto índice de segurança e previsibilidade, a CEVIPA oferece também a opção da cirurgia a laser, utilizando o moderno aparelho Lensex, que substitui alguns passos da cirurgia, que seriam feitos manualmente, por laser de forma controlada e extremamente precisa.

Prevenção
Uma vez instalada, não há forma eficaz de se evitar a progressão e, não sendo tratada, pode levar à cegueira, mas com o tratamento, a visão é restabelecida. Qualidade de visão é qualidade de vida, então fique atento e cuide-se.
Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Continue lendo
Mais de 27 mil mortes
Brasil supera Espanha e se torna o 5º país com mais mortes por coronavírus
29/05/2020 20:00
Queda de casos
Londrina registra redução de notificações de dengue nas últimas semanas
29/05/2020 17:13
Cuide de sua saúde
Entenda por que as dores de cabeça estão mais frequentes na pandemia e saiba como tratar
29/05/2020 11:50
Projeções
'Se Brasil parar por duas semanas, é possível evitar as 125 mil mortes', diz especialista
29/05/2020 10:11
Medidas de prevenção
Hospital Evangélico reabre pronto-socorro nesta sexta-feira
29/05/2020 09:39
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados