Pesquisar

Canais

Serviços

O tratamento pode ser clínico ou cirúrgico. A decisão depende do grau da doença e, normalmente, resulta de um consenso entre o médico e o paciente. - Reprodução
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
AZIA

Quais os sintomas e as consequências do refluxo?

Sua Saúde-Folha de Londrina
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

Tenho muita azia e, às vezes, sinto como se tivesse uma bola subindo e descendo na garganta. Pode ser refluxo?

A Doença do Refluxo Gastro Esofágico (DRGE) é uma afecção caracterizada pelo retorno do conteúdo do estômago, que é ácido, para o esôfago. A região da boca do estômago funciona como uma válvula e não deixa o alimento ou o ácido voltar do estômago para o esôfago. Quando esta válvula não está funcionando direito, ocorre a chamada DRGE.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Os sintomas mais comuns da doença são azia e pirose (sensação de queimação pelo esôfago). Alguns pacientes chegam a ter refluxo (quando o conteúdo gástrico chega à garganta).

Continua depois da publicidade


Porém, podem haver sintomas atípicos, como dor na garganta, rouquidão, tosse crônica, forte dor torácica, que pode até ser confundida com infarto, e essa sensação de uma bola subindo e descendo pela garganta, como foi mencionado.


Cerca de 20% da população apresentam a doença do refluxo, mas somente 1/5 procura tratamento médico. Hoje, há modernos medicamentos capazes de reduzir sensivelmente a acidez no estômago e eliminar os sintomas do refluxo, proporcionando qualidade de vida aos pacientes.


Algumas medidas comportamentais também são importantes, entre elas, esperar cerca de três horas para deitar após a refeição, evitar frituras, sucos cítricos e molhos, evitar o uso de roupas apertadas e não fazer exercícios com o estômago cheio. Fatores hormonais e alguns medicamentos também influenciam no refluxo.

Continua depois da publicidade


O tratamento pode ser clínico ou cirúrgico. A decisão depende do grau da doença e, normalmente, resulta de um consenso entre o médico e o paciente.

Alberto T. Oba, gastroenterologista


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade