Blog do Lucio Flávio - Lucio Flávio
31/01/2016 - 21:01
Imprimir Comunicar erro mais opções
O Londrina mostrou força, superou o nervosismo e estreou com vitória no Paranaense 2016. Os 2 a 0 sobre o PSTC, no estádio dos Pássaros, em Arapongas, revelou a qualidade do elenco alviceleste e deixou boas perspectivas no torcedor alviceleste.

O primeiro tempo foi truncado, com o LEC tomando as ações do jogo, mas esbarrando na forte marcação do time de PSTC, que mostrou potencial e levou perigo ao gol alviceleste, sobretudo no segundo tempo.

O jogo do Londrina não fluiu bem já que nitidamente faltou um melhor entrosamento entre os meias Rafael Gava e Leandro Oliveira. O principal lance foi em um chutaço do garoto Wellisson na trave de Thiago.



O menino foi muito bem. Jogou os 90 minutos, mostrou qualidade, habilidade, velocidade, além de brigar por muito por toda bola. Será uma ótima opção e tem tudo para explodir na temporada.

O jogo só mudou aos 12 minutos do segundo tempo, quando Paulinho entrou no lugar de Leandro Oliveira. O atacante fez as duas assistências para os gols do LEC e fez o torcedor recordar da vitória sobre o Santos por 2 a 1, em 2014.

Aos 18 minutos, achou Bruno Batata entre os zagueiros. Na marca do pênalti, o centroavante dominou no peito e estufou a rede do PSTC.

O Londrina diminuiu o ritmo e o PSTC chegou com perigo em duas oportunidades. Dois chutes violentos para ótimas defesas de Marcelo, que atuou com segurança e mostrou que tem tudo para assumir a condição de titular.

Aos 46, desta vez pelo lado esquerdo, Paulinho cruzou na cabeça de Gava, que deslocou o goleiro Tiago e decretou a vitória.

O lateral Romário, outro estreante, começou nervoso, mas depois se acalmou e tem potencial para crescer e tomar conta do lado direito. Entre os novatos, o mais discreto mesmo foi Oliveira.

Os três mil torcedores que foram até Arapongas saíram felizes da vida com a estreia vitoriosa e com a certeza que o Tubarão vai brigar pelo título novamente.



Este blogueiro entra em férias e retorna no dia 02 de março.
29/01/2016 - 10:25
Imprimir Comunicar erro mais opções
O Londrina vai manter o valor de R$ 160 nas novas camisas, lançadas na quinta-feira, para a temporada 2016. Os preços já eram praticados no ano passado.

O sócio-torcedor do clube tem 15% de desconto e vai pagar R$ 135. De acordo com a Karilu Sports, fornecedora do material esportivo, o primeiro lote das novas camisas estarão disponíveis para a venda a partir do dia 6.

Fabio Alcover/Folha de Londrina
Fabio Alcover/Folha de Londrina - Apresentação das novas camisas do Londrina para 2016
Apresentação das novas camisas do Londrina para 2016


28/01/2016 - 09:57
Imprimir Comunicar erro mais opções
O Londrina deve emprestar alguns garotos, que estão integrados ao elenco profissional, para a disputa do Campeonato Paranaense da Divisão de Acesso, que começa no fim de fevereiro.

O destino de alguns deles deve ser o Grêmio Araponguense/Apucarana Sports, comandado pelo empresário Gilberto Ponce. O dirigente, inclusive, esteve no último sábado acompanhando o coletivo do LEC no estádio dos Pássaros e aproveitou para observar alguns jogadores.

O Londrina tem hoje um elenco com 37 atletas e este número deve aumentar no decorrer do Paranaense e, principalmente, na série B. Diante disso, sobra menos espaços para os meninos jogarem.

O alviceleste tem algumas revelações que dificilmente serão utilizados pelo técnico Claudio Tencati em um primeiro momento como o zagueiro Júlio, os laterais Jardiel e Rômulo, o volante Paulo, os meias Marcinho e Jean.

Não será surpresa se alguns deles forem jogar a segunda divisão.
27/01/2016 - 13:57
Imprimir Comunicar erro mais opções
O Londrina já tem um novo goleiro para substituir a Vitor, que fica apenas até o mês de maio. Trata-se do goleiro Tiago, do Grêmio de Porto Alegre. A notícia já é confirmada na capital gaúcha.

O jogador vem por empréstimo até o fim da temporada. Tiago foi titular em alguns jogos do Brasileiro da série A no ano passado, no período em que Marcelo Grohe estava na seleção brasileira.

Foi bem em algumas partidas e falhou em outras. Diante da irregularidade virou apenas a quarta opção no time gaúcho.
26/01/2016 - 10:31
Imprimir Comunicar erro mais opções
O São Paulo teve de abrir seus cofres para ganhar a concorrência de outros clubes da América do Sul e ouvir a promessa de que Jonathan Calleri será reforço na Libertadores. O artilheiro do Boca Juniors em 2015 vai receber R$ 350 mil mensais. O argentino chegou na segunda-feira ao Brasil.

Com as saídas de Rogério Ceni, Alexandre Pato e Luís Fabiano, o Tricolor estabeleceu exatamente sete valor como o salário máximo para a atual temporada.

Apenas Michel Bastos e Ganso ganham o teto. Nem sequer Lugano, apesar de todo o moral com a torcida, ganhará tanto. O uruguaio embolsará R$ 280 mil.

Ao menos, o São Paulo conseguiu fixar o salário de Calleri em real. Uma das preocupações da diretoria era em relação à exigência do argentino em ganhar em dólar. A moeda americana tem se valorizado cada dia mais, em razão da crise econômica brasileira e mundial.

Nenhum dos seis estrangeiros do São Paulo, incluindo o técnico Edgardo Bauza, ganha em dólar. No Palmeiras, por exemplo, Allione, Mouche e Cristaldo têm seus salários atrelados ao dinheiro dos EUA, para desespero do presidente Paulo Nobre. Quando foram contratados, em 2014, cada dólar valia R$ 2,30. Hoje, ele tem até passado da casa dos R$ 4.

Fonte: Blog do Jorge Nicola
25/01/2016 - 14:48
Imprimir Comunicar erro mais opções
O Londrina iniciou nesta segunda-feira a venda dos ingressos para a estreia do Paranaense, domingo, às 17h, no estádio dos Pássaros, em Arapongas, contra o PSTC.

Os valores são os mesmos do ano passado, porém será cobrado uma taxa de administração de R$ 3,00. O LEC pagava a empresa que confecciona as entradas um valor de três reais por ingresso. Agora, este custo passa a ser bancada pelo torcedor.

Com isso, a arquibancada vai custar R$ 43,00 e o meio ingresso, R$ 23,00. Em Arapongas, não haverá venda para o setor coberto, já que o estádio dos Pássaros possui 500 cadeiras e o LEC tem mais de 400 sócios-torcedores com direito a acessar o setor coberto.

Os ingressos já foram distribuídos nos pontos de venda e o valor será o mesmo na comercialização antecipada e no dia do jogo.

Pontos de venda antecipada: Boulevard Londrina Shopping, Tato Presentes no Catuaí Shopping, Karilu Sports, VGD, Companhia da Cerveja, Óticas Diniz, Suplementus e Posto Via Brasil. E pela internet no www.okingressos.com.br
25/01/2016 - 10:54
Imprimir Comunicar erro mais opções
O estádio dos Pássaros está liberado pela polícia militar (PM) para nove mil torcedores. De acordo com o laudo da própria PM, no estádio cabem 10.440 pessoas.

Porém, a capacidade foi reduzida em virtude da interdição de parte da arquibancada do setor de visitantes e também pelo estádio não possuir câmeras de monitoramento, exigência para capacidade superior a 10 mil torcedores.

Há duas semanas, parte do muro e da arquibancada dos visitantes cederam, em razão das fortes chuvas deste mês de janeiro. O setor foi isolado com placas de alumínio e liberado pela PM.

Todos os laudos do estádio de Arapongas foram renovados para 2016. O de segurança, expedido pela PM, tem validade até 31 de dezembro, o de combate a incêndio, produzido pelo Corpo de Bombeiros, tem validade até 30 de junho.

O laudo de engenharia é válido até 31 de dezembro e o de condições sanitárias e de higiene, da Vigilância Sanitária, tem validade até 06 de dezembro.
22/01/2016 - 16:25
Imprimir Comunicar erro mais opções
As novidades anunciadas no programa do sócio-torcedor do Londrina trazem uma expectativa de que finalmente o produto possa alavancar.

Interagir com o seu público consumidor, dar benefícios exclusivos a ele, tratá-lo como consumidor, gerar conveniência e conforto são premissas básicas para fidelizar e cativar o torcedor. O Londrina até hoje não fez isso e parecia desconhecer esses preceitos fundamentais.

A situação começa a mudar, pelos menos na teoria, por enquanto. Já é um avanço. A contratação de um profissional da área foi o primeiro passo. E decisivo. Sem isso, o projeto não sairia do lugar.

A ideia de se fazer um tour pelo CT, levar a torcida nos dias de jogos para conhecer os bastidores, vestiário, prestigiar eventos exclusivos e apresentações não é novidade, mas são produtivas. Dá certo em muitos lugares e, adequada a nossa realidade, pode ser sucesso aqui também.

Mas, as ações precisam sair do papel e contar com a colaboração do departamento de futebol do Londrina. Ter uma equipe para divulgar e vender o produto também é fundamental.

A primeira ação efetiva vai ser levar 40 torcedores ao lançamento da camisa 2016. A ideia é boa. É um evento fechado e que muita gente gostaria de ir para estar próximo de jogadores e conhecer os bastidores. O caminho é por aí.

O sócio-torcedor do Londrina só vai para a frente quando o clube entender que precisa tratar bem seu torcedor/cliente e oferecer exclusividades para ele.

E quando o torcedor entender que aderir ao sócio-torcedor não é uma favor que ele está fazendo ao clube. É um produto altamente vantajoso, que lhe dará descontos, vantagens e é uma forma de colaborar com o time do coração. Ir ao estádio é apenas mais um desses benefícios.
21/01/2016 - 09:37
Imprimir Comunicar erro mais opções
O Londrina fez na quarta-feira o seu primeiro treino no estádio do Pássaros, em Arapongas. O local será o palco dos primeiros jogos do alviceleste no ano.

A impressão foi boa. O gramado está em boas condições. E muitos operários da prefeitura estão trabalhando no estádio, para deixa-lo em condições de receber o LEC.



A parte do muro que caiu em virtude das fortes chuvas da semana passada já foi isolada, com placas de alumínio. Na interfere em nada nos outros setores do estádio e não vai atrapalhar a realização das partidas.



Funcionários trabalham na reparação dos alambrados, arquibancadas, vestiários, corte de grama e em alguns outros equipamentos. As melhorias foram solicitados pela Polícia Militar, que fez uma vistoria na terça-feira.

A PM vai realizar uma nova visita nos próximos dias e liberará o estádio. A capacidade atual é de 9,5 mil torcedores.



O Londrina estreia no estádios do Pássaros, no dia 31, contra o PSTC, pelo Paranaense.

20/01/2016 - 18:49
Imprimir Comunicar erro mais opções
O Londrina vai lançar na próxima quinta-feira a sua nova camisa para a temporada 2016. A novidade para este ano será um quarto uniforme.

A camisa número 1 continua sendo a tradicional azul e branca, com listas verticais. A 2, será a toda branca e a 3, a preta, adotada nos últimos anos e que caiu nas graças da torcida.

O modelo e a cor da quarta camisa é mantido em sigilo absoluto pelo clube e pela Karilu Sports, fornecedora de material esportivo do LEC. "A novidade será revelada apenas na hora da apresentação. Vai ser surpresa mesmo", informou um diretor da empresa.

Então torcedor alviceleste, se você ainda não comprou a sua camisa em 2016, espere mais uma semana e guarde o dinheiro para comprar os novos mantos.
< 1 | 2 | 3 | 4 | 5 >
Lucio Flávio
 
Formado em Comunicação Social-Jornalismo e Administração-Marketing. Repórter Esportivo da Rádio Paiquerê AM desde 1997. Repórter também da Folha de Londrina. Participou de coberturas esportivas nacionais e internacionais como Copa do Mundo, Olimpíadas e Copa América. Twitter: @Luciobortoti



Sites Sugeridos
 
ARQUIVO
Mês
Ano
 
Hospedado pela: