28/10/20
Rafael Machado
Rafael Machado
30/01/2019 - 08:22
Imprimir Comunicar erro mais opções
O Tribunal do Júri, por maioria de votos, decidiu nesta terça-feira (29) inocentar Jhonattan Mateus de Paula Serafim, 21 anos, de homicídio qualificado e associação do tráfico pela morte do taxista Sérgio Alves de Souza na madrugada de 23 de julho de 2017. Segundo a denúncia do Ministério Público, o jovem teria praticado o crime com outro suposto comparsa, João Guilherme Martins de Oliveira, que teve o processo desmembrado e ainda não foi julgado.

Núcleo de Comunicação PML
Núcleo de Comunicação PML


Ele teria pedido uma corrida de táxi para Serafim na rua Taquari, na Vila Recreio, área central. Sentado no banco traseiro do Corsa Sedan de Souza, o rapaz teria sacado um revólver calibre 38 e atirado na cabeça do motorista, que morreu na hora. O MP concluiu que o assassinato aconteceu porque a vítima tinha desavenças com a dupla pelo comércio de entorpecentes. "Não conhecia o Sérgio, não tive participação nenhuma nisso (homicídio).

Investigadores ouvidos pela Justiça disseram que os acusados foram presos no dia seguinte. Durante o cumprimento dos mandados, um cartão de serviço de Souza foi encontrado em uma das residências.
COMENTE ESTE POST

 Caracteres restantes : 2000
Rafael Machado
 
Um diário da crônica criminal de Londrina. Investigações, contexto dos crimes e os desdobramentos dos casos de grande repercussão pelos jornalistas



ARQUIVO
Mês
Ano
AVISO: Opiniões e informações contidas nos blogs hospedados nesta plataforma são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem os valores do Portal Bonde.
 
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados