10/12/19
º/º
PUBLICIDADE
Marden Machado
Marden Machado
14/11/2019 - 03:28
Imprimir Comunicar erro mais opções


O americano Jon Turteltaub iniciou sua carreira no cinema no final dos anos 1980 e demonstrou, ao longo das duas décadas seguintes, bastante versatilidade nos filmes que dirigiu. Um dos mais populares deles é A Lenda do Tesouro Perdido, de 2004. O roteiro, de Jim Kouf e do casal Cormac e Marianne Wibberley, tem como nítida inspiração as aventuras de Indiana Jones e nos apresenta Benjamin Franklin Gates (Nicolas Cage). Ele é um caçador de tesouros e descobre que há um mapa codificado escondido na Declaração de Independência dos Estados Unidos. Mas, para decifrar esse código, Gates terá que se livrar do FBI e roubar um dos documentos mais vigiados e protegidos do mundo. A Lenda do Tesouro Perdido é cheio de reviravoltas e ações mirabolantes. Cage empresta carisma a Gates e convence que é o melhor no que faz. A direção de Turteltaub é precisa na condução da narrativa. Apesar de o roteiro recorrer a alguns clichês, no final, o resultado é bastante satisfatório. Três anos depois foi feita uma continuação, A Lenda do Tesouro Perdido: Livro dos Segredos, e havia planos para uma parte três, até o momento ainda não produzida.

A LENDA DO TESOURO PERDIDO (National Treasure – EUA 2004). Direção: Jon Turteltaub. Elenco: Nicolas Cage, Diane Kruger, Justin Bartha, Sean Bean, Harvey Keitel, Jon Voight e Christopher Plummer. Duração: minutos. Distribuição: Buena Vista.
COMENTE ESTE POST

 Caracteres restantes : 2000
Marden Machado
 
Escrevo, todos os dias, sobre um filme, complementando minha participação nos programas Light News (na rádio Transamérica Light FM - 95,1), na rádio CBN Curitiba (90,1 FM), no programa Caldo de Cultura (UFPR TV - canais 15 da NET, 71 da TVA ou via web no http://www.tv.ufpr.br/), e no canal http://www.youtube.com/cinemarden.



ARQUIVO
Mês
Ano
AVISO: Opiniões e informações contidas nos blogs hospedados nesta plataforma são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem os valores do Portal Bonde.
PUBLICIDADE