10/12/19
º/º
PUBLICIDADE
Marden Machado
Marden Machado
15/11/2019 - 00:25
Imprimir Comunicar erro mais opções


O diretor Gore Verbinski vinha do estrondoso e inesperado sucesso de Piratas do Cabine: A Maldição do Pérola Negra, quando decidiu dirigir um filme menor e de orçamento mais modesto. Ele encontrou no roteiro de Steven Conrad o tipo de história que queria contar naquele momento. Nascia aí O Sol de Cada Manhã. Com Nicolas Cage à frente do elenco, o filme gira em torno de David Spritz, o "homem do tempo” (daí o título original), de uma TV de Chicago. Ele é conhecido na cidade e surge a chance de ele participar de um programa em rede nacional. A questão é que David, recém-saído de um divórcio e com a guarda dos filhos, precisa equilibrar sua vida pessoal e profissional. Verbinski tira todo o proveito possível do material que tem nas mãos. A liberdade de trabalhar sem grandes pressões se reflete no que vemos na tela. Além do mais, uma boa história junto com um bom elenco e um diretor sem amarras criativas, sempre rendem um filme, no mínimo, interessante e gostoso de ver.

O SOL DE CADA MANHÃ (The Weather Man – EUA 2005). Direção: Gore Verbinski. Elenco: Nicolas Cage, Hope Davis, Nicholas Hoult, Michael Caine, Gemmenne de la Peña, Michael Rispoli e Gil Bellows. Duração: 102 minutos. Distribuição: Paramount.
COMENTE ESTE POST

 Caracteres restantes : 2000
Marden Machado
 
Escrevo, todos os dias, sobre um filme, complementando minha participação nos programas Light News (na rádio Transamérica Light FM - 95,1), na rádio CBN Curitiba (90,1 FM), no programa Caldo de Cultura (UFPR TV - canais 15 da NET, 71 da TVA ou via web no http://www.tv.ufpr.br/), e no canal http://www.youtube.com/cinemarden.



ARQUIVO
Mês
Ano
AVISO: Opiniões e informações contidas nos blogs hospedados nesta plataforma são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem os valores do Portal Bonde.
PUBLICIDADE