Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Em sítio

Prefeito é assassinado no Rio de Janeiro

Agência Brasil
21 dez 2015 às 16:18
Continua depois da publicidade

O prefeito de Rio Claro, na região do Médio Paraíba, Raul Fonseca Machado (PSD), 59 anos, foi morto a tiros na noite do último domingo (20). Quatro homens encapuzados invadiram seu sítio, localizado no bairro Graminha, zona rural da cidade, e fizeram disparos contra o prefeito.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Após a ação, os criminosos fugiram com dois veículos do político, que foram depois encontrados incendiados. A primeira-dama, que estava no local, não sofreu ferimentos e passa bem. Médico, doutor Raul, como era conhecido, exercia o terceiro mandato na prefeitura.

Continua depois da publicidade


A Polícia Civil informou, em nota, que, de acordo com informações da 168ª DP de Rio Claro, um inquérito foi instaurado para apurar as circunstâncias da morte, além de uma perícia ter sido feita no local e nos carros da vítima. Testemunhas estão sendo ouvidas e diligências serão realizadas em busca de informações que ajudem a identificar a autoria do crime. A polícia também informou que a Divisão de Homicídios está dando apoio às investigações.


O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, lamentou a "morte trágica e brutal" do prefeito e confirmou que a polícia está investigando o assassinato. "Não podemos deixar de acreditar na Justiça", afirmou.

A prefeitura de Rio Claro decretou três dias de luto oficial. O vice-prefeito Sebastião Inácio Rodrigues, conhecido na região como "Tico-Tico", assumirá o cargo amanhã (22), às 9h, na sede da prefeitura. O corpo do prefeito está sendo velado desde as 10h e o enterro está marcado para as 17h, no Cemitério Municipal.


Compartilhar nas redes:

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade