Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Resgate

Voo 447: mais doze corpos chegam a Fernando de Noronha

Agência Estado
11 jun 2009 às 10:38
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Doze dos 25 corpos de possíveis vítimas do voo 447 chegaram nesta quinta-feira (11), a Fernando de Noronha. Agora, eles passarão pelo processo de pré-identificação na estrutura montada no hangar do Destacamento Militar. Depois, serão enviados ao Instituto Médico Legal de Recife, em Pernambuco.

Os corpos foram recolhidos da Fragata Bosísio, que está a 40 km do arquipélago, pelo helicóptero Super Puma. O aparelho decolou perto das 6h00 da manhã e voltou pouco depois das 7h30. O bom tempo permitiu a execução do traslado dentro do horário previsto. Para esta manhã, está programada uma segunda viagem para a remoção dos outros 13 corpos.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade


A Fragata Bosísio é equipada com um helicóptero Esquilo, que deixou a embarcação e está pousado em Noronha, para permitir o transporte dos corpos. O helicóptero Blackhawk, que ajudou no traslado dos primeiros 16 corpos encontrados, não participou dessa segunda operação. Coube a ele apenas transportar a tripulação da Marinha.

Leia mais:

Imagem de destaque
Neste domingo

Viih Tube terá chá revelação 'discreto' após tragédia no Rio Grande do Sul

Imagem de destaque
300 agentes

Força Nacional vai atuar na segurança de abrigos no Rio Grande do Sul após relatos de abusos

Imagem de destaque
Entenda

Risco de tragédia por chuvas em Porto Alegre foi detectado em 2023

Imagem de destaque
Prejudiciais

Diretor da PRF critica fake news sobre o Rio Grande do Sul

Na noite de ontem, chegaram ao arquipélago dois oficiais da Marinha francesa. A dupla seguiu até a Fragata Bosísio no Blackhawk, para serem levados às embarcações da França que atuam nas áreas de buscas por corpos e destroços. Na Bosísio, vieram para Noronha dois militares franceses que estavam na área de buscas. O motivo era a suspeita de que um deles um estava com meningite. Exames, entretanto, descartaram o diagnóstico. Por volta das 7h00 da manhã, um avião Bandeirante da Força Aérea Brasileira levou os dois para Natal, no Rio Grande do Norte.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade