Pesquisar

Canais

Serviços

A General Motors (GM) concedeu férias parciais para 600 metalúrgicos de São José dos Campos na noite de sexta-feira (9). - Reprodução
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Temor

GM dá férias coletivas para funcionários

Agência Estado
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

A General Motors (GM) concedeu férias parciais para 600 metalúrgicos de São José dos Campos ontem. Segundo a montadora, a medida atinge 400 trabalhadores da linha de montagem dos veículos S-10 e Blazer e outros 200 na divisão de transmissões e motores Powertrain II, que ficarão parados durante 29 dias, de 26 de janeiro a 23 de fevereiro. De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos (Sindimetal SJC), as duas linhas empregam ao todo 1,1 mil trabalhadores.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Os funcionários da Powertrain II estão de férias coletivas desde o dia 15 de dezembro e voltariam ao trabalho no dia 25 de janeiro. Em novembro, 600 trabalhadores da Powertrain I e II ficaram parados. Os trabalhadores da linha da S-10 estiveram em férias coletivas de 1º a 23 de dezembro e receberam uma semana de licença remunerada, no início dessa semana.

Continua depois da publicidade

De acordo com o Sindimetal, a GM ainda não cogita demissões na base do sindicato, que representa 8.940 metalúrgicos. ?Por enquanto eles estão trabalhando com os contratos temporários?, diz o diretor sindical Vivaldo Moreira Araújo. Segundo ele, a GM deixou de renovar o contrato de 54 trabalhadores temporários ontem. Os metalúrgicos foram contratados há um ano, para reforçar a linha Powertrain II. Consultada, a montadora não confirmou as informações.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade