Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Face norte do aeroporto

Infraero reduz pela metade número de desapropriações em Londrina

Guilherme Batista - Redação Bonde
28 fev 2014 às 15:48
- Arquivo/Folha de Londrina
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O processo de desapropriação dos terrenos localizados na face norte do Aeroporto de Londrina ainda não começou. A prefeitura não tem dinheiro para realizar o serviço. A dificuldade financeira fez o município pedir para que a Infraero diminuísse pela metade o número de desapropriações necessárias, de 68 para 34 terrenos.

O superintendente da Infraero em Londrina, Marcus Vinícius Pio, garantiu que as áreas do jardim Albatroz não vão ser mais desapropriadas. A iniciativa reduziu de R$ 45 milhões para R$ 31 milhões o valor necessário para a conclusão do processo.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Até o momento, a prefeitura fez a desapropriação dos 51 imóveis localizados na face sul do aeroporto.

Leia mais:

Imagem de destaque
Crise

Um terço das famílias brasileiras sobreviveu com renda de até R$ 500 por mês em 2021, mostra FGV

Imagem de destaque
97,5 milhões de ocupados

Taxa de desemprego no Brasil cai para 9,8%, segundo IBGE

Imagem de destaque
Atenção à data

Termina nesta terça o prazo para entrega da declaração do Imposto de Renda

Imagem de destaque
Resultado animador

Número de inadimplentes de Londrina cai 14% em abril, segundo dados do SPC


O convênio firmado entre município e Infraero para a realização de melhorias no terminal está atrasado. A prefeitura vai precisar financiar recursos junto ao Fomento Paraná para seguir com as desapropriações.

A aquisição dos terrenos é necessária para que a Infraero realize uma série de melhorias no Aeroporto Governador José Richa, como a reforma da sala de embarque e desembarque, a ampliação da pista e as readequações no muro. Os procedimentos vão capacitar o terminal para receber o tão esperado ILS, o instrumento que auxilia o piloto em pousos durante condições adversas de tempo.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade