Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Reajuste autorizado

Pedágio sobe até 10,28% no Paraná a partir de terça-feira

Guilherme Batista - Redação Bonde
27 nov 2015 às 17:29
- Arquivo
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Os valores cobrados pelas 24 praças de pedágio do Paraná vão ficar mais caros a partir da próxima terça-feira (1º de dezembro). A Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Infraestrutura do Estado (Agepar) autorizou o reajuste nesta sexta (27) com a alegação de que o aumento está previsto nos contratos firmados com as concessionárias e, por isso, precisa ser cumprido. A chamada correção anual contratual - definição adotada pelo poder público - vai variar entre 6,69% e 7,05%. O índice, conforme a Agepar, ficará abaixo da inflação do período, medida em 9,93% pelo IPCA.

O pedido de reajuste foi pedido pelas seis concessionárias de pedágio existentes no estado, que alegaram precisar custear a variação dos preços de diversos produtos e serviços, analisado pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e autorizado pela Agepar.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


A agência reguladora também autorizou a aplicação da revisão tarifária, também chamada de degrau tarifário, para cobrir os custos de obras não previstas em contrato, como viadutos e duplicações, ou obras cujo cronograma foi antecipado. Com isso, o reajuste anual médio nas tarifas ficará em 10,28%.

Leia mais:

Imagem de destaque
Crise

Um terço das famílias brasileiras sobreviveu com renda de até R$ 500 por mês em 2021, mostra FGV

Imagem de destaque
97,5 milhões de ocupados

Taxa de desemprego no Brasil cai para 9,8%, segundo IBGE

Imagem de destaque
Atenção à data

Termina nesta terça o prazo para entrega da declaração do Imposto de Renda

Imagem de destaque
Resultado animador

Número de inadimplentes de Londrina cai 14% em abril, segundo dados do SPC


O índice deste ano é bem maior se comparado ao do ano passado, quando as tarifas foram reajustadas em 4,88%. Os valores reajustados deverão ser publicados no Diário Oficial do Estado da próxima segunda-feira (30).

Publicidade


A tarifa de pedágio da praça de Jataizinho, na BR-369, por exemplo, vai subir de R$ 16,10 para R$ 18,60 e continuará sendo a mais cara do Paraná. Já em Arapongas, o valor, atualmente em R$ 6,80, será reajustado para R$ 7,50. Apesar do aumento, a referida tarifa é ainda a mais barata praticada pelas concessionárias de pedágio no estado.


Ou seja, a região de Londrina tem as tarifas mais caras e baratas do Paraná.


Haverá, ainda, significativo aumento no preço da tarifa cobrada pela praça de pedágio de Jacarezinho, no Norte Pioneiro. Nesse caso, o valor vai subir de R$ 14,80 para R$ 17,10. Em Sertaneja, por sua vez, na praça instalada na PR-326, a tarifa subirá de R$ 13,80 para R$ 16.

Clique aqui para conferir a tabela completa com os valores atualizados de todas as praças de pedágio do estado.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade