Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Reajuste

Portaria fixa novas alíquotas de contribuição ao INSS

Redação Bonde
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

Portaria publicada no Diário Oficial da União estabelece novas alíquotas de contribuição ao INSS dos trabalhadores empregados, domésticos e avulsos. Os percentuais são de 8% para aqueles que ganham até R$ 965,67; de 9% para quem ganha entre R$ 965,68 e R$ 1.609,45; e de 11% para os que ganham entre R$ 1.609,46 e R$ 3.218,90. As informações são do Ministério da Previdência Social.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

A cota do salário-família passa a ser de R$ 25,66, para o segurado com remuneração mensal não superior a R$ 500,40, e de R$ 18,08 para o segurado com remuneração mensal superior a R$ 500,40 e igual ou inferior a R$ 752,12. O auxílio-reclusão será devido aos dependentes do segurado cujo salário-de-contribuição seja igual ou inferior a R$ 752,12.

Continua depois da publicidade


A portaria também estabelece que o valor mínimo dos benefícios pagos pelo INSS – aposentadorias, auxílio-doença, auxílio-reclusão e pensão por morte -, as aposentadorias dos aeronautas e as pensões especiais pagas às vítimas da síndrome da talidomida, será de R$ 465,00.

O mesmo piso também vale para benefícios da Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS) para idosos e portadores de deficiência, para a renda mensal vitalícia e para as pensões especiais pagas aos dependentes das vítimas de hemodiálise da cidade de Caruaru (PE). Já o benefício pago aos seringueiros e seus dependentes, com base na lei 7986/89, terá valor de R$ 930,00.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade