Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Em Londrina

Trocas impulsionam vendas no comércio

Mariana Fabre/Equipe Folha
27 dez 2010 às 07:56
Continua depois da publicidade

A entrega de presentes é um dos momentos mais aguardados do Natal. Entretanto, em muitos casos, a procura pelo presente perfeito não termina no dia 25 de dezembro. Roupas e sapatos que não servem, bem como estampas e modelos que não agradam, fazem com que a pessoa precise trocar o presente. De volta às lojas, muitos consumidores não resistem e acabam comprando novos produtos.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Segundo a vendedora da loja Havaianas, Caroline Oliveira, as trocas de presentes de Natal começaram já no dia 10 de dezembro. ''Alguns grupos fizeram amigo secreto apenas de havaiana e muitas pessoas compraram sem saber o número do calçado da pessoa a ser presenteada'', explicou. Ao longo de todo o mês de dezembro, a loja realizou 445 trocas, seja pela numeração errada ou pela escolha de um modelo diferente. Somente no dia 26, em uma hora de loja funcionando, foram feitas 11 trocas.

Continua depois da publicidade


A estudante Eliane Cristina Nunes Pessoa ganhou um chinelo de presente da sogra, mas o calçado não serviu. ''Viemos no shopping para passear e também para trocar'', relata Eliana. A estudante Salua Soares também precisou trocar seu chinelo, que ganhou de um amigo secreto de Natal, pois o número era menor do que o que ela calça. ''Além disso, também estou trocando presentes para a minha mãe e o meu pai, os dois por causa do tamanho errado da roupa que ganharam'', comentou.


A especialista em educação, Leila da Silva Andreani, foi ao Shopping Catuaí para trocar uma camisa que o marido ganhou e que não havia servido. Acabou saindo da loja com a camisa trocada e com uma nova, comprada de presente para seu filho. Já a supervisora de vendas Adriana Silva optou por substituir uma bolsa por roupas. ''Ganhei a bolsa, mas não gostei do modelo'', justificou.


O designer gráfico Rafael de Angelo precisou trocar os quatro presentes que recebeu. ''Todos por causa de tamanho errado'', esclareceu. Rafael e a namorada, a professora Joana Mendonça, estiveram no shopping ontem para trocar uma camiseta, um tênis e uma sandália rasteira. O casal também aproveitou para comprar roupas de banho e acessórios para a viagem que farão à praia após o Ano Novo.

Continua depois da publicidade

De acordo com a gerente da Triton, Ana Paula da Silva Marin, muitas trocas foram realizadas a partir do dia 20. ''A maioria dos clientes leva o mesmo modelo de roupa, só que com outro tamanho'', relatou. Segundo ela, como foram comprados muitos presentes nos dias 23 e 24, a expectativa é de que o número de trocas aumente nos próximos dias. O bancário Leandro Perez ganhou uma camiseta de Natal, mas preferiu substituí-la por outro modelo. ''Troquei apenas por causa do modelo da gola'', contou.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade