Pesquisar

Canais

Serviços

- divulgação
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Em 2009

Volks cortará 16,5 mil trabalhadores

Agência Estado
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

A montadora alemã Volkswagen vai cortar toda a sua equipe de funcionários temporários, que totalizava 16,5 mil empregados em 2008, segundo afirmou o chairman do conselho administrativo da companhia, Martin Winterkorn, em uma entrevista à revista Der Spiegel.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

"Nós não vamos empregar mais nenhum deles", afirmou Winterkorn quando questionado sobre quantos trabalhadores temporários a companhia terá no fim deste ano. "Isso é terrível para as pessoas afetadas, mas não há outra solução", acrescentou o executivo. As informações são da Dow Jones.

Continua depois da publicidade


Brasil


O diretor de Assuntos Corporativos e Relações com a Imprensa da Volkswagen do Brasil, André Senador, disse neste sábado, 28, que a decisão da matriz alemã de cortar todos os funcionários temporários pelo mundo não afeta diretamente a subsidiária brasileira. "No Brasil, não há esta modalidade de contrato nas áreas de produção, mas contratos de trabalho por tempo determinado", disse.


Senador informou que não há decisão tomada em relação à continuidade dos contratos temporários na filial brasileira. "No caso do Brasil, isso vai ser determinado pelos rumos do mercado e da economia."

Continua depois da publicidade

Segundo Senador, 1.600 trabalhadores temporários estão alocados no Brasil, sendo mil deles em São Bernardo e 600 em Taubaté. No início de fevereiro, a Volkswagen renovou por mais um ano os contratos de 106 trabalhadores da fábrica de São Bernardo do Campo. Em janeiro, dos 800 temporários em Taubaté, a Volkswagen do Brasil encerrou o contrato com 150, renovou com 200 outros e efetivou 450 funcionários.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade