Pesquisar

Canais

Serviços

- Marcus Ginez/ConGP
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Modelo piloto

Associação de condomínios substitui 70 placas de rua na Gleba Palhano

Fernanda Circhia - Grupo Folha
27 ago 2018 às 20:44
Continua depois da publicidade

O ConGP (Associação de Condomínios Residenciais e Comerciais da Gleba Palhano) realizou no último fim de semana a substituição de 70 placas de rua em 35 esquinas da Gleba Palhano, zona sul de Londrina. Além das placas, também foram substituídos 19 postos, sendo 16 reaproveitados.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Conforme o presidente do ConGP, Marcus Ginez, este é um novo modelo de placa. "Este é um modelo piloto que visa a expansão para toda a cidade. São placas com maior visibilidade e letras legíveis, as quais são possíveis identificar as ruas com maior facilidade. Além disso, são separadas por cores diferentes, conforme a zona que o bairro pertence. As cores foram baseadas na rosa dos ventos", apresentou.

Continua depois da publicidade


Marcus Ginez/ConGP
Marcus Ginez/ConGP


Marcus Ginez/ConGP
Marcus Ginez/ConGP


Foram colocadas novas placas em toda a extensão das ruas João Wyclif e Ernane Lacerda de Athayde, além da Avenida Ayrton Senna da Silva e no trecho entre a Madre Leônia Milito e Lago Igapó. "Já estamos providenciando as demais placas e postes para as demais ruas. Com a união e adesão dos condôminos, conseguiremos atingir o objetivo de todos."

As substituições das 70 placas e instalação dos novos postes foram realizados no sábado e domingo (25 e 26) em uma equipe de quatro pessoas, incluindo o presidente da associação. "As mudanças foram custeadas 100% pelo ConGP. Nós damos essa contrapartida de benefícios, não só a arrecadação. Nós percebemos a ausência de placas em algumas ruas do bairro e também quisemos fazer a manutenção daquelas que foram deterioradas com o tempo. A associação investiu entre R$ 16 mil e R$ 18 mil para realizar as mudanças. Este é um projeto piloto e cada associação dos demais bairros da cidade também pode se unir para fazer as substituições das placas", explicou.

Continua depois da publicidade


Continue lendo