Pesquisar

Canais

Serviços

- Emerson Dias/ N.Com
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Na Praça Tomi Nakagawa

Londrina terá Feira do Peixe Vivo a partir de quarta

Redação Bonde com N.Com
11 abr 2022 às 15:49
Continua depois da publicidade

Londrina vai receber a 28ª Feira do Peixe Vivo. O evento acontecerá a partir das 8h desta quarta-feira (13) na Praça Tomi Nakagawa, localizada na Rua Benjamin Constant, e vai até as 14h de sexta-feira (15). A expectativa é que, neste ano, sejam comercializadas 15 toneladas de peixes.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Durante a feira, quatro piscicultores irão participar, sendo dois deles produtores no Distrito da Warta e dois do Patrimônio Usina Três Bocas. Os peixes expostos nos tanques são vivos, o que garante um produto extremamente fresco. Não haverá venda de peixes congelados e os preços praticados são os de mercado.

Continua depois da publicidade


A Tilápia varia de R$ 18,00 a R$ 26,00 o quilo; o Pacu, R$ 28,00 o quilo; o Bagre por R$ 16,00 o quilo; a Carpa será vendida por R$ 18,00 o quilo e o Pintado a R$ 35,00. Como os produtos são frescos, todos os peixes devem ser limpos em casa, pelo próprio consumidor. Além dos peixes, serão comercializados pastéis, sucos engarrafados e refrigerantes.


As Feiras do Peixe Vivo são tradicionais em alguns municípios, como Londrina, e estão vinculadas à Semana Santa, celebração cristã, em que se comemora a Paixão, a Morte e a Ressurreição de Jesus Cristo. Durante essa semana, muitos cristãos consomem apenas peixe.


“Durante a Semana Santa, a tradição cristã incentiva a população a consumir um alimento saudável, que é o peixe. Então, para quem gosta dessa carne branca, a feira é uma oportunidade de comprar um produto bom, fresco e direto do produtor”, explicou o secretário de Agricultura, Regis Choucino.

Continua depois da publicidade


Segundo a gerente de Comercialização da Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento, Viviane Fernandes, a Feira do Peixe Vivo é uma demanda dos piscicultores locais, que procuram a SMAA (Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento). Para eles, a exposição dos produtos no centro da cidade aumenta a renda anual familiar.


“Os produtores de peixe aguardam a realização desta feira o ano inteiro, pois é uma oportunidade para a comercialização de sua produção em maior quantidade. É um circuito curto de comercialização, mas não há os intermediários e todo o lucro fica com o produtor. Outra vantagem da feira é o fortalecimento da economia local”, ressaltou Fernandes.


O produtor que tiver interesse em participar da feira deve entrar em contato com a SMAA, que explicará todos os trâmites burocráticos e os documentos necessários. Entre as ações, é realizada uma vistoria técnica pelo fiscal da Prefeitura de Londrina, para a comprovação da produção de peixes. A Feira do Peixe Vivo faz parte do projeto “Feira de Produtos de Época” e integra a política de Segurança Alimentar do Município, realizada pela SMAA. O projeto visa disponibilizar aos produtores, espaços públicos para a venda de produtos no auge da produção.

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade