Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Internet

Youtube vira febre entre adolescentes

Redação - Bonde
19 nov 2006 às 15:00
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Descabelada, magrela e nariguda, ela é um fenômeno. Brooke Allison Brodack, de 20 anos, vive na cidade de Holden, Massachusetts, de onde há um ano começou a incluir vídeos bem humorados no YouTube sob o apelido de Brookers. A produção mais assistida de Brooke - ''Crazed Numa Fan!!!!'' (algo como Fã enlouquecida de Numa!!!!, do Numa Numa Dance, estilo de música eletrônica conhecida entre internautas) - bateu a marca de 3 milhões de downloads.

Brooke é capaz de fazer um drama familiar hilário sobre quem roubou suas batatinhas fritas ou então aparecer com uma vassoura na cabeça interpretando Hermione, a melhor amiga de Harry Potter. Em um vídeo, a jovem estrela do YouTube beira o niilismo, em outro, aparece em frente a uma bandeira dos Estados Unidos fazendo críticas aos políticos.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Guilherme Zaiden, o emo que pede o carinho dos internautas, não esconde que se inspira em Brooke, e também em outras celebridades menores, como a LonelyGirl15, que traz confissões de adolescentes melancólicos. Recentemente, Brooke foi contratada pela rede de TV americana NBC e deve estrear programa explorando o que ela tem de melhor: uma cara extremamente engraçada.

Leia mais:

Imagem de destaque
Crystal

Como funciona o Cirque du Soleil, que leva espetáculo de gelo ao Rio e a São Paulo

Imagem de destaque
Proibido em 21 países

Saiba como é a legislação sobre aborto ao redor do mundo

Imagem de destaque

PL antiaborto deixa a lei brasileira tão dura quanto a de países como Afeganistão e Indonésia

Imagem de destaque
Veja vídeo

Kate Middleton faz primeira aparição pública oficial após confirmar câncer


A abertura que Brooke conseguiu em publicações americanas de respeito, como ''The New Yorker'' e ''Entertainment Weekly'', ainda enquanto anônima do YouTube, lembra os melhores roteiros surrealistas do desenho animado ''The Simpsons''. As críticas de seus vídeos trazem classificações como ''brilhante'' e ''deliciosamente maluca''.

Publicidade


Uma simples busca no YouTube com o apelido Brookers mostra lista com 38 vídeos da jovem. Os mais recentes, dizem, estão no site da NBC, e o fato gerou uma nova discussão nos Estados Unidos: a quem realmente pertencem as produções do YouTube? São dos seus autores, que incluem seus vídeos diariamente, ou do site?


O fato é que o site, que afirma em seu link de imprensa exibir 70 milhões de vídeos diariamente, foi comprado há um mês pelo Google, numa transação de US$ 1,6 bilhão que incluía, claro, todo o acervo disposto online, no qual estão Brooke, e Guilherme Zaiden.

Há pelo menos seis anos, desde que o Festival de Cannes organizou um debate pioneiro sobre novas tecnologias (e premiou ''Dançando no Escuro'' com a Palma de Ouro), o assunto tem estado em discussão. Qual será o futuro do cinema? Se o suporte mudar, se a maneira de fazer e ver filmes mudar, continuará sendo cinema? Guilherme Zaiden é um produto destes novos tempos. Seus vídeos alcançam uma instantaneidade e uma divulgação que já fazem dele um fenômeno no YouTube. Cada vídeo do Guilherme é visto por 100 mil espectadores (ou mais). No conjunto, ele contabiliza mais de 1 milhão de acessos com seus vídeos no YouTube. Já ostenta o título de recordista nacional de acessos. (AE/Folha de Londrina)


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade