Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Unidade da UFPR

Centro ambiental é multado por poluição no Paraná

Redação Bonde
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

O escritório regional do Instituto Ambiental do Paraná (IAP) de Paranaguá autuou nesta terça-feira (27), em R$ 120 mil, o Centro de Estudos do Mar (CEM) da Universidade Federal do Paraná - localizado no balneário de Pontal do Sul.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Ao todo, foram lavrados quatro autos de infração: um pelo lançamento irregular de efluentes líquidos e esgoto no canal que deságua no rio Perequê e que fica nos fundos da Universidade; pelo descarte de substância nociva (formol) à saúde humana e ao meio ambiente direto no manguezal, considerado Área de Preservação Permanente (APP); pelo armazenamento de substância tóxica, sendo o mesmo lançado por evaporação e decantação em local impróprio; e, por último, pela construção de uma marina sem orientação ou anuência do órgão ambiental. Além disso, o IAP detectou que todos os efluentes oriundos da limpeza dos barcos guardados na marina são eliminados sem qualquer proteção e impedindo a regeneração da vegetação e do manguezal.

Continua depois da publicidade


VISTORIA NO ESGOTO - No último sábado (19), técnicos da Sanepar e do IAP estiveram vistoriando o CEM, após denúncia da comunidade local do forte cheiro de produtos químicos vindos do mangue. Durante a fiscalização os técnicos da Sanepar constaram que a fossa séptica do CEM possuía um canal extravasor, utilizado freqüentemente e irregularmente - para limpeza da fossa em caso de sobrecarga de resíduos.


Os técnicos da Sanepar lacraram os canais extravasores e o IAP notificou a direção do CEM a comparecer no escritório regional. Devido ao período de férias, não houve comparecimento dos responsáveis pela administração do Centro até o prazo estipulado pelo IAP, que venceu na última quinta-feira (26).

O CEM terá o prazo de 24 horas para promover a retirada do formol e demais materiais nocivos estocados e para fazer a readequação do local (da Agência Estadual de Notícias).


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade