Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Indefinição nos bancos

Rejeitado acordo e impasse dos vigilantes vai a dissídio

Redação Bonde
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

O Sindicato das Empresas de Segurança Privada do Estado do Paraná recusou a proposta de conceder um reajuste de 10% para os vigilantes. Audiência entre as partes terminou na noite desta quinta-feira, no Tribunal Regional do Trabalho (TRT-PR), em Curitiba. A alegação da classe patronal é que a 'crise econômica' afetou o setor.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Mesmo com a rejeição, os vigilantes resolveram manter a suspensão da greve até a próxima assembléia, que deve acontecer ainda em fevereiro. A categoria não descarta a realização de nova paralisação, caso não consigam acordo com os empresários.

Continua depois da publicidade

Os sindicatos que representam os vigilantes reivindicam reajuste salarial e aumento no vale-alimentação com base do índice do INPC, além de aumento no porcentual do adicional de risco de 7,5% atuais para 15% (com O Diário de Maringá).


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade