Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade

Copel: Votação pode estar próxima

Redação - Folha do Paraná
20 ago 2001 às 22:16
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Está próxima de acontecer a votação do projeto popular contra a venda da Copel. Os deputados continuam se revezando nos discursos, mas o encaminhamento da votação deve acontecer dentro de uma hora, se não houver mais suspresas.

Os deputados contrários à privatização foram os que mais se inscreveram para fazer discursos, mas os incsritos já estão acabando. Encerrados os deputados inscritos, o que deve acontecer em cerca de 40 minutos, inicia-se o processo de votação.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Os deputados favoráveis ao projeto popular questionam duas coisas e podem tentar com isso retardar a votação. Primeiro, com relação ao deputado Nelson Justus (PFL) que reassumiu o posto no lugar de seu suplente, Custódio da Silva (PFL). Segundo sobre a permanência de deputado Luis Fernandes Litro (PSDB) que não permaneceu no plenário, apenas compareceu para responder a chamada depois retirou-se. Litro esteve internado na semana passada com problemas de coração.

Leia mais:

Imagem de destaque
Internet

Ataque de Musk a Moraes gera reação do STF e cobrança no Congresso por regulação de redes

Imagem de destaque
Eleições municipais de 2024

De olho na Câmara de Londrina, secretários municipais pedem exoneração

Imagem de destaque
Dança das ideologias

Janela partidária escancara força da direita na Câmara de Londrina

Imagem de destaque
Será retomado nesta terça

Desembargador pede vista e suspende julgamento de Sergio Moro nesta segunda


A votação deve ser aberta e não nominal. Com isso, deve durar poucos segundos depois de iniciada.


Logo depois da votação do projeto popular contra a venda da Copel, deve ser votado o projeto do deputado Tony Garcia (PPB) que também pede a revogação da lei anterior, que autoriza a privatização.

Acompanhe o placar da votação


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade