Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Londrina

Governo anterior 'explica' perda da verba para teatro

Fábio Cavazotti/Equipe Folha
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

O ex-secretário de Cultura, Valdir Grandini, que ocupou o cargo até o final do ano passado, no governo Nedson Micheleti (PT), disse nesta segunda-feira (30) que ofício solicitando prorrogação de prazo para liberação da verba de R$ 6,5 milhões para o teatro municipal efetivamente não foi encaminhado ao Ministério da Cultura.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Conforme informou ontem o Bonde, provavelmente a verba foi perdida, já que no Ministério da Cultura consta que o processo relativa ao teatro em Londrina está arquivado desde 18 de janeiro de 2009.

Continua depois da publicidade


Documentos da Secretaria de Cultura indicam que, em dezembro do ano passado, o ex-prefeito elaborou um ofício solicitando renovação do processo de liberação da emenda parlamentar. A secretaria chegou a reservar passagem aérea para o ex-secretário Valdir Grandini levar o documento a Brasília, mas a viagem não foi realizada.


O Teatro Municipal deveria ser erguido no complexo Marco Zero – empreendimento particular que inclui a construção de um shopping center na Zona Leste. O custo do teatro, segundo a Prefeitura, é de aproximadamente R$ 39 milhões.


O ex-secretário de Cultura afirmou que os recursos da emenda parlamentar de 2007 foram perdidos porque não houve tempo hábil para elaboração dos 33 projetos complementares ao arquitetônico. De acordo com Grandini, porém, Nedson teria encaminhado ao governo federal pedido de inclusão de rubrica orçamentária para 2009.

Continua depois da publicidade


"Quando lançamos um projeto desse porte, partimos para o tudo ou nada. Tentamos nos cercar de todas as possibilidades, conscientes de que poderíamos ou não acessar os recursos", afirmou o ex-secretário. Segundo Grandini, a viagem a Brasília foi desmarcada em dezembro do ano passado porque os projetos complementares não foram finalizados.


A área técnica da Secretaria de Cultura informou, no final da tarde de ontem, que não há previsão de gastos para o Teatro Municipal no orçamento federal de 2009 porque a primeira fase não foi concluída. Os projetos complementares citados pelo ex-secretário devem ficar prontos em meados deste ano. O ex-prefeito Nedson não foi localizado ontem pela FOLHA.


Matéria relacionada:

Londrina pode ter perdido verba para teatro municipal


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade