Pesquisar

Canais

Serviços

- Montagem/Folha de Londrina
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Começou pra valer

Justiça manda apreender material contra Hauly

Redação Bonde
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

O juiz da 190ª zona eleitoral, Elias Duarte Rezende, concedeu nesta terça-feira (3) o primeiro mandado de busca e apreensão do chamado "3º turno" em Londrina. O pedido foi feito pela coligação "Londrina Forte e Digna", do candidato Luiz Carlos Hauly (PSDB), contra o também candidato Barbosa Neto (PDT) e Doris Andrade da Cruz, presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Empresas de Refeições (Sinterc).

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Segundo informações do departamento jurídico tucano à rádio CBN, o material de 10 mil exemplares continha informações falsas sobre Luiz Carlos Hauly. Dizia que ele fez parte da ala conservadora durante a Assembléia Constituinte de 1988, sendo que Hauly se elegeu deputado federal pela primeira vez em 1991.

Continua depois da publicidade


Doris Andrade da Cruz admitiu a informação equivocada, ressaltando que o material foi produzido pelo movimento sindical popular, sem ligação política. "O movimento se reuniu e decidiu apoiar a campanha de Barbosa Neto. Publicamos uma informação equivocada. Foi essa falha que nós cometemos".

O advogado da campanha de Barbosa Neto, Mauricio Carneiro, negou que a equipe do candidato esteja envolvida no episódio. Oito dos 10 mil jornais produzidos foram levados à Justiça Eleitoral, e o juiz deve analisar o material nesta quarta-feira.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade