Pesquisar

Canais

Serviços

- Divulgação/CMTU
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Trânsito

Projeto de lei pede aumento de tolerância nas vagas de Zona Azul em Londrina

Guilherme Marconi - Grupo Folha
01 jun 2022 às 08:49
Continua depois da publicidade

Um projeto de lei protocolado na Câmara Municipal de Londrina quer mudar o período de tolerância de 15 para 30 minutos no estacionamento rotativo da Zona Azul no município. A proposta apresentada pela vereadora Mara Boca Aberta (Pros) prevê alterações na lei nº 11.799, de 27 de dezembro de 2012, que dispõe sobre as regulamentações do serviço na cidade. 

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


O projeto prevê que as vagas terão tolerância de 30 minutos independentemente do local atendido pela Zona Azul, assim o valor do estacionamento regulamentado será cobrado somente após esse tempo de  permanência. Por outro lado, a matéria determina que caso o período estabelecido no inciso anterior seja excedido, o valor cobrado será correspondente ao tempo integral de permanência na vaga.

Continua depois da publicidade


A vereadora justifica que a medida não tem a intenção de prejudicar a receita, mas aumentar a rotatividade dos veículos no uso das vagas de estacionamento nas regiões de grande fluxo. "Deixar de cobrar pela Zona Azul nos primeiros 30 minutos não pode ser encarado como uma frustração de receita. Ao contrário, deve ser encarado como aumento da eficácia da sua única função: gerar rotatividade de veículos nas vagas. Um usuário que estaciona seu carro em uma vaga de estacionamento rotativo e sabe que após 30 minutos passará a ser cobrado por isto tende a desocupar a vaga mais rapidamente do que aquele que sabe que está sendo cobrado desde o momento em que deixou seu veículo lá."


Continue lendo na Folha de Londrina.

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade