Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Nem um, nem outro

PT opta pela neutralidade em 3º turno londrinense

Danilo Marconi - Redação Bonde
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

Assembléia do diretório municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) realizada na tarde deste sábado (14) deliberou pela neutralidade neste 'terceiro-turno' das eleições de Londrina. "As propostas (de Hauly ou Barbosa) não casam com o projeto futuro do partido", afirmou Sidnei Santos Silva, presidente do PT em Londrina.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Ele garantiu que a intenção do PT é ter total independência na próxima gestão municipal, seja coordenada por Luiz Carlos Hauly (PSDB) ou Barbosa Neto (PDT).

Continua depois da publicidade


Mais de 200 filiados estiveram presentes à reunião realizada no Hotel Thomazi, dentre elas as lideranças Nedson Micheleti (ex-prefeito de Londrina), André Vargas (deputado federal), Lygia Pupato (Secretário Estadual de Ciências e Tecnologia) e vereadores.


A assembléia votou pela neutralidade nas eleições e pela nulidade dos votos dos seus filiados. "Essa segunda proposta não foi aceita", disse Sidnei Silva. "Eles estão liberados para votar em que achar que deve", enfatizou.


Apoio

Continua depois da publicidade

O diretório municipal do PT restringe o apoio aberto de seus filiados a qualquer candidato. "Se entendermos que houve constrangimento neste apoio, o partido pode abrir processo interno contra o filiado", garantiu Sidnei Silva, que foi além: "nossas figuras públicas não vão fazer campanha."


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade