Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Igreja católica

Fiéis de Londrina celebram os 115 anos da imigração japonesa no Brasil

Douglas Kuspiosz - Especial para a Folha
19 jun 2023 às 10:10
- Douglas Kuspiosz/Especial para a Folha
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Católicos de Londrina se reuniram na manhã deste domingo (18) para a celebração de uma missa em alusão ao Dia da Imigração Japonesa. A data é uma referência ao dia 18 de junho de 1908, quando os primeiros imigrantes japoneses chegaram ao Brasil.


O padre Emanuel José de Paula, pároco da Paróquia Pessoal Nipo-brasileira Imaculada Conceição, explica que esse é um momento de integração entre a comunidade.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


“Para a paróquia, é a união das pessoas. Ao mesmo tempo em que eles movimentam a fé, eles fazem com que essa integração continue acontecendo. Vieram os avós, os pais e hoje tem os filhos que estão aqui, por exemplo, e eles mantêm viva essa fé”, diz.

Leia mais:

Imagem de destaque
Relações internacionais

Longe da líder China, EUA miram qualidade na relação comercial com Brasil

Imagem de destaque
Críticas

Movimento 'Blockout' nas redes sociais mira celebridades nos EUA

Imagem de destaque
Rodolfo Abrantes

Saiba mais sobre a Bola de Neve, igreja denunciada por ex-cantor do Raimundos

Imagem de destaque
Inacreditável

Mãe explorava filha de 13 anos por R$ 100 em motel; 3 são presos


Esse aspecto geracional é marcante durante a celebração, que foi acompanhada por pessoas de todas as idades. “Para Londrina e para a Panib [Pastoral Nipo-brasileira], a importância é manter viva a fé e a questão cultural”, diz.

Publicidade


A nutricionista Tatiana Mayumi Hirooka Guerra, 44, destaca que essa celebração é importante na sua família porque seus avós são imigrantes.


“Com 13 anos eu fiz o caminho inverso: eu e minha família fomos para o Japão, moramos lá por 15 anos e, retornando agora, tenho meus filhos pequenos, e acho importante passar a cultura para eles conhecerem um pouquinho da história da imigração japonesa”, opina.

Publicidade


A nutricionista também ressalta o papel do processo de evangelização das novas gerações e a integração cultural. “Procuramos sempre estar nos caminhos de Deus, e procuramos sempre levar eles em eventos japoneses, eles participam das gincanas japonesas. Minha família sempre é muito ativa e passamos um pouquinho para que a cultura não morra”.


“É bem importante, porque quando nossos antepassados vieram foi muito sofrimento, todas aquelas dificuldades que eles tiveram. É bem importante a gente celebrar a imigração”, afirma a dona de casa Sandra Tungui, 53. “A fé e a religião são uma base, e precisamos estar sempre com fé e esperança, que é o mais importante.”


LEIA MAIS NA FOLHA DE LONDRINA.


Imagem
Fiéis celebram os 115 anos da imigração japonesa no Brasil
A cerimônia, na manhã de domingo (18), na Paróquia Imaculada Conceição, ressaltou a importância da integração cultural
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade