Pesquisar

Canais

Serviços

iStock
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Ainda dá!

Fim de ano: como organizar as finanças para viajar com tranquilidade

20 nov 2021 às 00:01
Continua depois da publicidade

Seja para relaxar, rever a família ou conhecer outra cidade, viajar é uma boa experiência. Especialmente no final do ano, com as férias e celebrações festivas, a vontade de viajar desperta ainda mais! Mas planejar é algo que exige organização e disciplina para evitar gastos exagerados. Se você é do tipo que ama viajar, mas desanima só de pensar que vai gastar o que não tem, dá para viajar o mundo com pouco dinheiro.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

Muita gente acha que viagem é sinônimo de gastar muito e, por isso, deixa de realizar um grande sonho antes mesmo de pesquisar sobre o destino desejado. É importante dizer que não há segredo de como viajar com pouco dinheiro – basta um bom planejamento e seguir dicas importantes que vão fazer com que qualquer destino caiba no seu orçamento.

Organizar com antecedência os gastos garante que o viajante encontre brechas para economias. Essa deve ser a palavra de ordem para que se consiga viajar para muitos lugares, sem desrespeitar o padrão de vida e não ser surpreendido de forma negativa com dívidas desnecessárias. Listamos aqui algumas dicas que podem ajudar na hora de planejar aquela viagem especial.

Continua depois da publicidade


Entenda sua situação financeira


O primeiro passo para planejar é entender a sua situação financeira. Isso é necessário para definir um orçamento médio e um teto de gastos para a viagem. Assim, será mais fácil saber quanto de dinheiro está disponível e quais destinos estão dentro da sua realidade.

Comece identificando suas entradas e saídas a cada mês. Faça uma análise criteriosa para descobrir quais gastos podem ser reduzidos ou até mesmo eliminados. Por exemplo, se você tem um gasto elevado pedindo comida em casa, pode tentar diminuir esse consumo.


Defina a duração


Quantos dias você pretende dedicar à sua viagem? A resposta está diretamente ligada aos gastos com passeios, alimentação e hospedagem. Lembre-se de contar o tempo que será usado durante o voo e o traslado. 

O ideal é sempre incluir um ou dois dias a mais para esse transporte. Com isso, você aproveita melhor cada passeio e não volta para casa com aquela sensação de que não conheceu e visitou tudo o que queria.


Calcule o dinheiro  


Com todas as informações definidas, é o momento de calcular o dinheiro necessário para a sua viagem. Essa etapa é feita quando já se tem em mente seu destino, quanto tempo durará e qual tipo de acomodação você prefere.

Faça uma previsão de quanto deverá gastar com passagem, deslocamento, hospedagem ou alimentação. Alguns transportes, como carros econômicos e confortáveis para alugar, podem ser mais vantajosos do que andar de táxi pelo destino, por exemplo, além de dar mais autonomia para se deslocar entre um passeio e outro.

A partir do seu roteiro, você também pode calcular os gastos com entretenimento, compras e outros. Tudo deve ser anotado, para que você evite gastar mais do que o necessário ou que falte dinheiro durante o passeio. Para planejar melhor os seus custos, vale a pena utilizar ferramentas online que auxiliem nessa pesquisa.

Continue lendo