Pesquisar

Canais

Serviços

iStock
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Anote essas dicas!

Planejamento financeiro: aprenda como garantir um futuro mais seguro

Redação Bonde com assessoria de imprensa
05 dez 2021 às 00:00
Continua depois da publicidade

Ter uma reserva econômica e investir na previdência privada são algumas medidas sensatas para lidar com incertezas do futuro

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Com as constantes alterações nas regras da aposentadoria e a crise econômica que vem assolando o país, estabelecer um planejamento financeiro é a atitude mais sensata que todo brasileiro pode adotar para garantir um futuro mais seguro. Dados do Indicador de Reserva Financeira do SPC (Serviço de Proteção ao Crédito) apontam que 62% dos brasileiros não têm o costume de guardar dinheiro de forma planejada e, quando guardam, é apenas uma sobra do orçamento mensal.

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


Guardar parte do salário todo mês não é apenas uma forma de lidar com qualquer imprevisto financeiro que possa aparecer em um futuro próximo, mas também pensar a longo prazo. Conforme a idade avança, as possibilidades de fontes de renda vão ficando cada vez mais limitadas, então contar com economias para sobreviver e levar uma vida confortável não só faz a diferença como também é indispensável, em muitos casos.


Quando nos aposentamos, abrimos mão de um salário para viver apenas com o benefício do INSS, uma quantia que varia muito de acordo com o tempo de contribuição e o valor pago mensalmente ao longo do período trabalhado. A diferença pode ser muito grande, mas todos sabemos que as despesas continuam as mesmas. Por isso, é recomendado guardar pelo menos 30% do salário todos os meses para criar uma reserva de emergência.


Uma boa forma de garantir uma renda complementar ao benefício do INSS é pagar uma previdência privada, o que pode garantir um futuro mais confortável e sem as incertezas da previdência pública. A reforma da previdência tornou a trajetória até os benefícios fornecidos pelo governo ainda mais difícil, pois agora não é mais possível se aposentar pelo tempo de contribuição – apenas por idade. Sendo assim, investir em uma previdência privada desde cedo já garante um retorno considerável (com juros acrescidos) a médio ou longo prazo, tornando o caminho até a aposentadoria menos árduo.

Continua depois da publicidade


Por mais que seja uma medida muito antecipada, é necessário aprender a investir hoje para poder usufruir lá na frente. O melhor momento para fazer isso é quando estamos em um momento estável da carreira, ganhando um salário que possa arcar com as despesas e ainda sobrar para as economias. O mercado financeiro oferece muitas possibilidades de investimentos para quem quer pensar no futuro, então lembre-se sempre de que, quanto antes for iniciado seu planejamento financeiro, melhor.

Continue lendo