Pesquisar

Canais

Serviços

iStock
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Anote essas dicas

Saiba como calcular gastos de viagem internacional

Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
05 jan 2022 às 21:02
Continua depois da publicidade

Fazer um planejamento prévio para qualquer viagem internacional é essencial para garantir mais segurança e tranquilidade no passeio

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Calcular gastos e determinar um orçamento é importante para qualquer tipo de viagem, mas, quando se trata de uma internacional, os cuidados devem ser redobrados. A cotação das moedas estrangeiras está em constante mudança, e nem sempre é fácil determinar um valor exato para as despesas no país de destino, especialmente levando em consideração que podem haver imprevistos. Assim, fazer uma boa pesquisa e separar uma reserva financeira adequada é indispensável para evitar dor de cabeça em seu período de lazer.

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


Primeiramente, é preciso avaliar o quanto está disposto a gastar com alguns fatores básicos, como hospedagem e alimentação. Existe uma grande diversidade de hotéis e restaurantes com preços variados, que podem sair em conta ou ser caros demais. É claro que os mais baratos geralmente implicam em algumas questões, por exemplo: o hostel costuma ser a opção de hospedagem mais enxuta, porém, é necessário dividir o quarto com outras pessoas. Ainda assim, existem hotéis de pequeno porte que não são luxuosos, mas oferecem o essencial e ainda contam com diárias que cabem no orçamento.


Quanto à alimentação, é importante determinar um valor máximo para gastar com isso todos os dias. Ficar na casa dos 50 dólares ou euros por pessoa costuma ser o suficiente, mas a partir disso é importante balancear bem os locais onde irá comer. É possível ir a lugares mais conceituados, desde que as demais refeições sejam mais simples e baratas. Caso extrapole o valor em um dia, basta compensar no próximo. Tudo isso fica a critério de cada um, mas é possível comer bem e ainda controlar os gastos.


Quem pretende fazer compras no país visitado também precisa planejar muito bem a época em que deseja viajar, especialmente se tratando da cotação da moeda, seja dólar, euro, libra, etc. Nesse caso, o mais recomendado é separar uma quantia destinada exclusivamente para esses gastos e que não se misture com os demais. Acompanhar o valor do câmbio nesse período é indispensável, mas quem for usar cartão de crédito precisa ficar atento, pois também são descontadas taxas adicionais para cada compra internacional de acordo com o valor total.

Continua depois da publicidade


Com tudo isso em mente, o restante vai depender somente de quanto dinheiro será investido na viagem. Isso já exige um longo período de preparação e economia, mas é sempre bom levar um pouco a mais do que se pretende gastar para conseguir lidar com qualquer imprevisto. Com esse planejamento, todos podem aproveitar uma viagem internacional com muito mais tranquilidade.

Continue lendo