Pesquisar

Canais

Serviços

- Emerson Dias/N.Com
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Retomada

Prefeitura de Londrina apresenta cronograma para volta às aulas presenciais na rede municipal

Vitor Struck - Grupo Folha
26 jul 2021 às 20:05
Continua depois da publicidade

A Prefeitura de Londrina apresentou na noite desta segunda-feira (26) o cronograma para a retomada das aulas presenciais na rede municipal de ensino. Conforme outros municípios do estado já vinham anunciando, o retorno gradual com 50% da capacidade das salas de aula terá início na próxima segunda-feira. Os primeiros a retornarem serão os estudantes das turmas de 4º e 5º anos do Ensino Fundamental, e da EJA (Educação de Jovens e Adultos). O objetivo é avançar com o retorno dos alunos mais jovens a cada 14 dias, a partir de análises do possível aumento no número de casos da Covid-19 na cidade.

Continua depois da publicidade


De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, a retomada deverá observar regras básicas, como o uso de máscaras, álcool em gel, aferição de temperatura e uso da proteção de acrílico (Face Shield) pelos professores. No entanto, cada escola terá um plano de retomada próprio, que levará em consideração o acesso dos alunos e outras caraterísticas estruturais das unidades, e que poderá ser consultado pelos familiares.

Continua depois da publicidade


O cronograma prevê a ampliação do retorno para os alunos dos 2º anos no dia 16 de agosto e P4 no dia 23, até que seja alcançada a totalidade na semana seguinte.


"Temos uma parceria muito próxima entre a Saúde e a Educação, o que vai facilitar o monitoramento de qualquer eventual caso, mas o mais importante é que o momento epidemiológico nos permite vir aqui e anunciar este retorno às aulas", garantiu o secretário municipal de Saúde, Felipe Machado.

Continua depois da publicidade


Conforme explicou o prefeito Marcelo Belinati (PP), o avanço na vacinação na cidade, especialmente dos idosos, muitas vezes os responsáveis por tomarem conta das crianças desde o início da pandemia, foi um fator que assegurou o retorno.

Veja a matéria completa na FOLHA.


Continue lendo