Pesquisar

Canais

Serviços

Grupo Folha
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Luto

Cantor e guitarrista Vila Fabbri morre aos 59 anos

Marcos Roman - Grupo Folha
10 jan 2022 às 16:02
Continua depois da publicidade

Músicos londrinenses, familiares e amigos lamentaram a morte do cantor e guitarrista Vlamir Benedito Fabbri, popularmente conhecido como Vila Fabbri. Integrante da banda Blow Up - grupo de rock no qual tocava guitarra e atuava como vocalista, ele faleceu na tarde de domingo (9), aos 59 anos, vítima de glioblastoma multiforme, um tipo de câncer cerebral descoberto há um ano e meio. O sepultamento será realizado na tarde desta segunda-feira (10), em Porto Ferreira (SP), cidade natal do músico que deixa a esposa e dois filhos.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Nascido no interior de São Paulo e sobrinho do jornalista Joelmir Beting, Vila era formado em Economia, porém ficou conhecido do público londrinense por fazer shows em diversos bares de Londrina desde a sua chegada na cidade, em 2012. “Ele tinha uma presença de palco muito boa e muito swing. Era muito conhecedor de músicas dos anos 1970 e trazia muitas referências tanto de canções brasileiras quanto as de world music. Atingia registros vocais considerados agudos para uma voz masculina e fazia muitas apresentações de voz e violão cantando clássicos do rock nacional dos anos 80, além do repertório focado no rock internacional dos anos 70 que a gente tocava na banda Blow Up”, afirma o guitarrista Vitor Struck, que em 2016 passou a integrar o grupo musical criado por Vila dois anos antes.

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


Ele ressalta que além do talento musical, Vila era conhecido por seu carisma, bom humor e humildade. “Era um cara muito bacana. Estava sempre alegre e aos poucos foi conquistando o respeito dos músicos que já tocavam em Londrina e também dos donos de bares da cidade”, relata.


Leia mais na Folha de Londrina

Continue lendo