26/10/20
Filme 'Lindinhas'

Governo pede investigação da Netflix por pornografia infantil

Reprodução
Reprodução


O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos pediu a suspensão da veiculação do filme "Lindinhas" pela Netflix. O longa tem sido acusado por Damares Alves de sexualizar crianças.


O pedido foi encaminhado à Coordenação da Comissão Permanente da Infância e Juventude.

No oficio, o secretário Maurício Cunha (Secretaria Nacional de Direitos da Criança e do Adolescente) afirma que "o filme apresenta pornografia infantil e múltiplas cenas com foco nas partes íntimas das meninas enquanto reproduzem movimentos eróticos durante a dança, se contorcem e simulam práticas sexuais".

A repercussão do filme gerou debate sobre a participação de crianças na dramaturgia e a necessidade de discutir temas polêmicos.

O longa narra a história da imigrante senegalesa Amy, de 11 anos, vivida pela atriz Fathia Youssouf. Criada nas tradições religiosas da família muçulmana, a garota ouve da mãe e da tia que a mulher deve se comportar com subserviência aos homens. Ao se mudar para Paris, ela entra para um grupo de garotas rebeldes do colégio que imitam coreografias sensuais e usam roupas curtas e salto alto.
Redação Bonde
Continue lendo
'Babaca e ardilosa'

Barraco na Fazenda 12! Lidi Lisboa discute com MC Mirella após punição

26 OUT 2020 às 15h30
'Em recuperação'

Datena é internado com dores no peito e passa por procedimento

26 OUT 2020 às 10h32
Assédio

'Fazer o certo requer coragem', diz Dani Calabresa sobre caso de Melhem

26 OUT 2020 às 09h38
Após cobranças

Adnet e Duvivier se posicionam sobre denúncias contra Marcius Melhem

26 OUT 2020 às 08h49
'Sensação de fracasso'

Claudia Raia conta detalhes da separação de Alexandre Frota

26 OUT 2020 às 08h29
Saiba mais

Com look novo, Andressa Urach tem postura liberal e critica evangélicos

24 OUT 2020 às 17h34
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados