Pesquisar

Canais

Serviços

- Reprodução/Instagram
Netflix

'Eu Nunca...' ganha 2ª temporada e fãs celebram narração de Gigi Hadid

Folhapress
15 jul 2021 às 14:11
Continua depois da publicidade

A série adolescente "Eu Nunca..." (Netflix) ganhou sua segunda temporada nesta quinta-feira (15) no streaming e os fãs comemoraram nas redes sociais. "Saiu a nova temporada de 'Eu Nunca...', obrigada Netflix por melhorar meu dia instantaneamente", escreveu uma internauta.

Continua depois da publicidade


A trama estreou em 2020 e foi criada por Lang Fisher, de "Brooklyn Nine-Nine, e Mindy Kaling, de "The Office". Ao longo dos episódios a história da jovem Devi (Maitreyi Ramakrishnan) é apresentada e ela precisa escolher entre os pretendentes Ben (Jaren Lewison) e Paxton (Darren Barnett).

Continua depois da publicidade


Na sequência, a protagonista elege uma terceira alternativa e decide namorar os dois pretendentes ao mesmo tempo. No trailer, é possível ver que tudo ia bem até outra garota indiana chegar à escola onde ela estuda, o que provoca ciúmes em Devi.


"Netflix lance a terceira temporada de 'Eu nunca...' agora", escreveu uma internauta. "Sumirei por motivos de: saiu 'Eu Nunca...' na Netflix", afirmou uma segunda. Outro fato também comentado pelos fãs da série, é que na nova temporada a modelo Gigi Hadid, 26, narra a história do ponto de vista de Paxton.

Continua depois da publicidade


Antes, o personagem tinha seus pensamentos narrados pela também modelo Chrissy Teigen, 35, afastada do projeto após polêmicas envolvendo seu nome. Teigen foi criticada por enviar mensagens de ódio a Courtney Stodden, no ano de 2011, e assediar outras personalidades como o estilista Michael Costello.


Em entrevista ao Daily Beast, Stodden revelou que a esposa de John Legend, 42, a assediou nas rede sociais pouco tempo depois de seu casamento com o ator Doug Hutchison. "Ela não apenas tuitava sobre mim, como também ia nas minhas mensagens privadas dizendo para eu me matar," afirmou.


"Coisas do tipo: 'Mal posso esperar para você morrer'", contou. Já no caso de Costello, vencedor do programa Project Runway, Teigen teria praticado bullying contra ele e sugeriu que ele deveria cometer suicídio.


Segundo o site Vulture, o designer ainda afirmou que a modelo o perseguiu, espalhou rumores e fez com que muitas portas em Hollywood se fechassem para ele. Em maio, Teigen se desculpou publicamente através do Twitter e recentemente desabafou sobre ter sido cancelada.


"O clube do cancelamento é uma coisa fascinante e eu aprendi muito. Somente algumas pessoas vão entender e é impossível saber como é até estar nessa situação", escreveu em publicação feita no Instagram.


Tudo que eu sei é que eu amo vocês, sinto falta de vocês e só precisava de um momento honesto com vocês porque eu estou cansada de me sentir mal comigo mesma o dia todo", completou a apresentadora do reality Batalha de Lip sync.

"Vou assistir 'Eu nunca...' legendado só por causa da Gigi Hadid", escreveu um internauta. "Gigi Hadid narrando o episódio do Paxton em 'Never Have I Ever' foi o motivo do meu colapso. Ficou perfeito!", pontuou outra.


Continue lendo