Pesquisar

Canais

Serviços

São Paulo FC

Clássico mostra 1ª mudança drástica de Carpini após um mês seguindo Dorival

Eder Traskini - UOL/Folhapress
15 fev 2024 às 14:00
- Divulgação/SPFC
Publicidade
Publicidade

Uma avaliação de que o São Paulo precisava de mais gente dentro da área fez com que Carpini fizesse sua primeira mudança mais drástica no trabalho que herdou de Dorival Jr na derrota no clássico contra o Santos.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


O QUE ACONTECEU

Leia mais:

Imagem de destaque
Série A

Corinthians muda rotina para diminuir expectativa da torcida por reforços

Imagem de destaque
Diz comunicado

Premier League vai usar impedimento semiautomático na próxima temporada

Imagem de destaque
Série B

Santos troca uma aposta por outra e busca soluções para o ataque

Imagem de destaque
Julio Casares

Presidente do São Paulo banca manutenção de Carpini


Carpini surpreendeu na escalação com Juan e Calleri como dupla de ataque. Enquanto era esperado um time com Erick e Galoppo nas pontas, o treinador abdicou dos extremos.

Publicidade


A ideia de Carpini era chegar com mais jogadores na área. O técnico via Calleri muito sozinho para brigar com os zagueiros e escalou Juan ao seu lado, com Luciano atuando livre por trás.


Um problema de última hora desmanchou o esquema. Moreira sentiu no aquecimento e precisou sair. Para a lateral, Carpini só tinha Igor Felisberto, de 16 anos, mas Bobadilla se prontificou a fazer a lateral e Carpini colocou Galoppo em campo refazendo o esquema anterior, o mesmo usado durante a temporada.

Publicidade


No fim do jogo, quando Calleri e Juan atuaram como dupla de fato, o São Paulo quase chegou ao empate. Erick chegou a marcar em cruzamento, mas um toque na mão do atacante anulou o gol; Juan perdeu gol nos acréscimos.


Após um mês bebendo da fonte de Dorival com poucas mudanças, Carpini começa a mostrar que vai implementar suas ideias. Na partida contra o Mirassol, o treinador chegou a mudar o sistema de jogo, mas depois confessou que o esquema foi todo pensado para poder poupar Igor Vinicius, que se lesionaria duas rodadas depois.

Publicidade


O QUE DISSE CARPINI


"Não repeti nenhuma formação. E não foi porque não gosto, pelo contrário, a continuidade é importante. A gente não conseguiu isso por problemas de temporada, que fazem parte. Que bom que herdamos um bom trabalho. Se fosse um outro momento, a gente talvez teria mais dificuldade. É um início satisfatório, mas que a gente precisa seguir evoluindo"


"A ideia era fazer o tripé com dois jogadores que têm a capacidade de fazer o corredor e pisar na área, que são Alisson e Bobadilla. O Pablo Maia protegeria um pouco mais. Temos que ter variações dentro da temporada, são muitos jogos e não podemos ficar presos a um sistema. nesta quinta-feira (15), a gente tenta equilibrar fisicamente, taticamente, tecnicamente e clinicamente. nesta quinta-feira (15), o Nestor, Lucas, Rafinha, Igor, Rato estão fora, e o Moreira sentiu no aquecimento. Que bom que meu elenco me dá possibilidades. Não é um padrão, mas é uma situação, que pode ser repetida no decorrer da competição. Depende do que teremos para cada jogo"


"Eu joguei com dois atacantes. Era a nossa ideia. Os dois muito próximos um do outro. Por vários momentos, conseguimos segurar com dois atacantes uma linha de quatro, para dar liberdade ao Luciano para flutuar e dar liberdade ao Welington e Moreira. Perdemos Moreira. Eu poderia começar com Nikão e Erick, parecidos com Rato. A estratégia funcionou. muito em cima do adversário. Claro que o resultado não era o que a gente queria, por detalhes, não porque a equipe não atuou bem. A ideia era ter quando a bola chegasse dos lados, em jogos anteriores, eu notei que a gente pisava na área com pouca gente. A pressão na saída ficaria melhor com dois caras que pressionam muito bem. O Juan fez um bom jogo na função de dois atacantes. O Luciano não foi extrema. A gente jogou com dois atacantes enfiados e liberdade para o Luciano."


Imagem
São Paulo arranca nome do estádio e prepara novo letreiro por naming rights
O novo letreiro do MorumBis está parcialmente instalado no local onde antes continha os dizeres: estádio Cícero Pompeu de Toledo. A ação é parte do acordo do novo naming rights do estádio.
Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade